Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

BOTNET FRAUDA CLIQUES DE PUBLICIDADE ONLINE E ROUBA MAIS DE US$ 6 MILHÕES

21/03/2013

Uma empresa de análise de publicidade online afirma ter descoberto uma botnet (rede de computadores zumbis) que gera mais de 6 milhões de dólares por mês com fraude de cliques em anúncios falsos de exibição.

A Spider.io, com sede no Reino Unido, escreveu que o código da botnet, chamada de "Chameleon" (camaleão, em tradução) infectou cerca de 120 mil computadores domésticos nos Estados Unidos e frauda cliques em 202 sites que, em conjunto, entregam 14 bilhões de impressão de anúncios. A Chameleon é responsável por 9 bilhões dessas impresões, disse a empresa.

A fraude de clique engana anunciantes online fazendo com que eles paguem por cliques em anúncios que não são legítimos, privando-os de conquistar clientes e receita. A Spider.io disse que os anunciantes pagam, em média, 69 centavos de dólar (US$ 0,69) por mil impressões.

A companhia não identificou os editores dos sites que eram alvos da botnet, mas compradores de mídia online notaram inconsistências por algum tempo em sites que exibem propaganda para grandes empresas.

Andrew Pancer, diretor de operações da Media6Degrees em Nova York, disse que a empresa parou de comprar inventário de anúncios em milhares de sites no ano passado, devido a preocupações sobre a origem do tráfego dessas páginas.

A lista de sites maliciosos informavam números de tráfego muito alto, mesmo que alguns nem sequer aparecessem em uma pesquisa, disse Pancer, cuja agência compra anúncios para empresas como AT&T, HP e CVS Pharmacy. "Você nunca ouviu falar desses sites", disse, acrescentando que muitos dos sites compartilhavam a mesma interface.

A Media6Degrees compartilhou suas descobertas com a Spider.io, que depois descobriu a botnet "Chameleon". A rede foi projetada para visitar várias páginas em diversos sites de uma única vez, clicando em anúncios do mesmo modo que uma pessoa de verdade faria.

Mas, apesar de às vezes parecer de tráfego único, a Spider.io escreveu que o tráfego da botnet parecia homogêneo como um todo. "Todos os navegadores se identificaram como sendo o Internet Explorer 9.0 rodando em Windows 7", dizia um post no blog da empresa.

A Chameleon coloca uma carga pesada no navegador do usuário e pode travá-lo e reiniciá-lo. Se ele trava o browser, a botnet inicia outra sessão.

Pancer disse que alguns dos sites suspeitos incluem o Toothbrushing.net, que registrou milhões de visualizações por mês.
 
 
 
Fonte: IdgNow

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar