Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

NUVEM IMPULSIONOU VENDA DE SERVIDORES LINUX. UNIX SEGUE EM DECLÍNIO

04/03/2013

O mercado mundial de servidores movimentou US$ 51,3 bilhões em 2012, o que representa uma queda de 1,9% na receita em relação a 2011. As remessas somaram 8,1 milhões de unidades anuais, recuo de 1,5% na mesma comparação, de acordo com dados da IDC. O quarto trimestre, porém, registrou uma recuperação, de 3,1%, somando US$ 14,6 bilhões. Este foi o primeiro crescimento no indicador nos últimos cinco períodos.

Na comparação trimestral anual, os servidores de volume viram a receita subir 4,2% e atingir US$ 9,1 bilhões. Já os sistemas high-end registraram elevação de 6,4% e receita de US$ 4,1 bilhões. Em contrapartida, a demanda por servidores midrange teve diminuição o que levou a uma queda na receita de 10%, totalizando US$ 1,5 bilhão.

“Apesar de ser a primeira alta trimestral na receita em mais de um ano, o mercado de servidores ainda mostrou uma recuperação fraca no quarto trimestre”, explicou o gerente geral e vice-presidente de plataformas corporativas da IDC, Matt Eastwood. Segundo ainda o analista, o preço médio dos servidores aumentou bruscamente no trimestre à medida que grandes e médias empresas continuaram a investir pesado em novas capacidades dos equipamentos para direcionar iniciativas de virtualização e consolidação de sistemas.

O Linux foi influenciado positivamente por computadores de alta capacidade e implantação de infraestrutura de nuvem, com 12,7% de aumento na penetração no mercado e receita de US$ 3 bilhões no quarto trimestre. Segundo a IDC, os servidores Linux representam 20,4% de toda a receita mundial da indústria de servidores, alta de 1,7 ponto percentual quando comparada com o quarto trimestre de 2011.

Já os servidores com Windows registraram elevação de 3,2%, com receita trimestral de US$ 6,7 bilhões e 45,8% de participação de mercado. Este é o mesmo market share computado no mesmo intervalo do ano passado. Os servidores Unix, por sua vez, tiveram queda de 24,1% na receita no período, somando US$ 2,6 bilhões e chegando a 17,6% de participação. Foi o sexto declínio consecutivo.

A IBM segue na liderança em participação de mercado no quarto trimestre, com 36,5% das vendas mundiais. Em segundo lugar ficou a HP, com 24,8% de participação na receita trimestral, mas com queda de 3,2% no market share. A Dell desponta na terceira posição e com uma larga distância das rivais IBM e HP -15,1% de market share. Em quarto lugar aparecem empatadas Oracle, Fujitsu e Cisco.
 
 
 
Fonte: Convergencia Digital

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar