Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

ANALISTAS DE MERCADO ACREDITAM QUE APPLE DEVE LANÇAR IPHONE MAIS EM CONTA

22/02/2013

 

Gene Munster, da Piper Jaffray, afirma que o iPhone mini será anunciado em setembro, e custará em torno de US$ 200, no mercado internacional. Munster teria pesquisado preços do iPhone em seis países - Brasil, Alemanha, Reino Unido, França, China e Índia - e constatado que o iPhone mais barato custa mais que o dobro do preço de um smartphone de baixo custo, nesses mercados. Por não ter um modelo mais simples, a Apple não está presente neste segmento de mercado.

Na estimativa de Munster, o mercado de smartphones mais simples corresponde a 60% dos smartphones vendidos, e deve atingir a marca de US$ 135 bilhões de dólares, este ano. Para chegar ao preço previsto pelo analista, a Apple teria de sacrificar sua margem de lucro. Porém, isso não representaria um prejuízo efetivo, pois a companhia ganharia pela quantidade de aparelhos vendidos, e talvez até frearia o avanço do Android.

Ainda assim, segundo a analista Katy Huberty, do banco Morgan Stanley, vender um iPhone por US$ 199 poderia manchar a imagem de "fabricante de produtos avançados" que a Apple posusi, e por conta disso, o dispositivo mais em conta sairia por cerca de US$ 330 - valor mais alto que o estimado por Munster, e ainda assim, mais em conta que o modelo normal.

Huberty acredita que o lançamento pode acontecer em abril, visando o mercado chinês, onde a participação da Apple é pequena. Ela afirma que mesmo reduzindo o lucro e reduzindo a venda dos modelos mais caros, o iPhone mini traria vantagens para a Apple. As previsões de Huberty fazem mais sentido, pois lembram a estratégia de vendas do iPad mini, que custa em torno de US$ 329, nos EUA. Com esse preço, a Apple pode atingir mais consumidores, sem baixar a qualidade do produto.Dois analistas de mercado divulgaram relatórios prevendo que a Apple anunciará um iPhone mais em conta, ainda este ano. Apesar de antigo, o rumor deve ser visto com muita cautela, visto que um iPhone mais barato vai contra a estratégia da Apple.
 
 
 
Fonte: Codigo Fonte

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar