Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

ATAQUES DE PHISHING CRESCEM 60% E CAUSAM PREJUÍZO DE US$ 1,5 BILHÃO EM 2012

31/01/2013

 

Reino Unido, Estados Unidos, Canadá, Brasil e África do Sul são os países que mais tiveram empresas atacados no ano, respectivamente. O Brasil registrou 5% do volume total de ataques. O País está em quarto lugar entre os principais países hospedeiros de phishers, com 4% dos ataques hospedados, indica o estudo.

Segundo a RSA, em 2012, sites de companhias aéreas e de varejo, bem como plataformas de jogos, provedores de comunicação móvel e serviços de webmail foram os alvos do cibercrime. Lojas de varejo online estavam no topo da lista. Cibercriminosos criaram páginas na web comuns, que imitavam as homepages de varejistas. Assim, conseguiram enganar milhares de usuários e acessar dados pessoais e corporativos.

Para 2013, a RSA prevê que os ataques vão continuar a crescer e especialmente em diferentes partes do mundo. A preocupação agora é o phishing em dispositivos móveis. “Com o crescimento exponencial de aparelhos móveis, cibercriminosos estão se aproveitando desses recursos para criar novas táticas”, afirma Marcos Nehme, diretor da Divisão Técnica para a América Latina e Caribe da RSA.

Nehme aponta que os criminosos virtuais devem criar aplicativos falsos e liberá-los para donwload em lojas de apps. Rede sociais também têm sido alvo dos phishers, finaliza.O ano passado foi recorde em ameaças virtuais, afirma relatório da RSA, divisão de segurança da EMC. O "Relatório de Fraudes" de dezembro de 2012 aponta crescimento de 59% no total de ataques de phishing no mundo em comparação com o ano anterior. Segundo o levantamento, esses tipo de fraude eletrônica, caracterizada pela tentativa de adquirir informações sigilosas por meio da web, causou prejuízo de 1,5 bilhão de dólares para a economia mundial, expansão de 22%.
 
 
 
Fonte: Idgnow

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar