Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

MICROSOFT ACUSA GOOGLE DE BLOQUEAR ACESSO AO YOUTUBE NO WINDOWS PHONE 8

07/01/2013

Há um novo valentão antitruste no pedaço, e seu nome é Google. Assim afirma a Microsoft, alegando que a gigante de buscas está usando seu poder para impedir a concorrência, notoriamente bloqueando o acesso completo ao YouTube em aparelhos Windows Phone 8.

A acusação foi feita pelo vice-presidente da Microsoft, Dave Heiner, em seu blog. Heiner começa seu blog escrevendo sobre investigações antitruste sobre o Google na Europa e nos EUA. Ele escreve:

"O futuro da competição nas buscas está em jogo nestas investigações. Isto é importante não apenas para a Microsoft, mas para as milhares de pequenas empresas cujos negócios dependem de um mercado de pesquisa competitivo. É por isso que tantas companhias têm expressado suas preocupações sobre a má conduta do Google, conhecida por reguladores em ambos os lados do Atlântico. "

Heiner depois escreve:

"Você pode pensar que o Google está tendo seu melhor comportamento, já que está sob as luzes brilhantes de minucioso exame regulamentar em dois continentes, particularmente no que procura assegurar aos executores de defesa da concorrência na Europa e nos EUA de que pode ser confiável com base nas garantias não-vinculativas de que não irá abusar de sua posição no mercado."

E é aí que ele chega ao centro de seu argumento: de que o Google está bloqueando a Microsoft de desenvolver um aplicativo inteiramente funcional do YouTube por se recusar a dar à MS acesso aos metadados do YT,  muito embora torne os dados disponíveis para apps iOS e Android. Ele repete uma afirmação feita anteriormente pelo vice-presidente sênior e conselheiro geral da Microsoft, Brad Smith, que afirma:

"O Google permitiu que seus próprios telefones Android acessem o YouTube para que os usuários possam procurar por categorias de vídeo, favoritos, veja avaliações, e assim por diante, nas interfaces de usuário ricas oferecidas por esses telefones. Ele fez a mesma coisa para os iPhones oferecidos pela Apple , que não oferece um serviço de busca concorrente. Infelizmente, o Google se recusou a permitir que novos celulares Windows da Microsoft acessem os metadados do YouTube da mesma forma que os telefones Android e iPhones fazem. Como resultado, o app do YouTube nos Windows Phones é basicamente apenas um navegador exibindo o site móvel do YT, sem as ricas funcionalidades oferecida em telefones concorrentes. "

O blog de Smith foi escrito em março de 2011, e Heiner diz que nada mudou desde então. Ele afirma:

"No mês passado nós ouvimos do YouTube que os dirigentes do Google lhes disseram para não permitir uma experiência de primeira classe nos Windows Phones." Em seguida, ele acrescenta:

"O Google descarta essas preocupações de um concorrente. Mas a realidade é que os consumidores e outros concorrentes estão igualmente sendo "scroogled” em toda a web diariamente com este tipo de má conduta."

Eu não sei se o Google está, de fato, negando os metadados para a Microsoft. Mas se é verdade que a empresa não dará acesso à MS aos dados do YouTube mesmo fornecendo essas informações aos desenvolvedores Android e iOS, ela está claramente errada. Os metadados devem estar disponíveis para qualquer um que deseje. Fazer o contrário me parece uma prática comercial desleal e uma violação antitruste.
 
 
 
Fonte: Adrenaline

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar