Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

VOCÊ VAI CONTROLAR SEU PC COM O MOVIMENTOS DOS OLHOS

03/01/2013

A Tobii Technology em breve começará a distribuir um dispositivo que permite aos usuários controlar um PC usando o movimento dos olhos. O equipamento foi batizado de REX e estará disponível na próxima semana para desenvolvedores. A Tobii promete versões do periférico para usuários finais no segundo semestre deste ano, ainda sem preço definido, apenas para o sistema operacional Windows 8.

A companhia chama o REX de "interação de contemplação periférica", já que ele se une à tela de um PC. A empresa, sueca, disse que ele é o primeiro periférico desse tipo para o mercado consumidor. "Temos trabalhado em produtos para nichos de mercado por muitos anos, mas o objetivo final sempre foi o de desenvolver nossa própria tecnologia para que possa ser adicionada a qualquer computador", disse Sara Hyléen, diretora de marketing da Tobii.

Na CES, a Tobii irá demonstrar algumas das características fundamentais de sua tecnologia, incluindo a capacidade do usuário de selecionar, rolar a tela, aplicar zoom e navegar usando os movimentos dos olhos. Para manter o controle do que o usuário está olhando, a Tobii utiliza dois sensores ópticos especialmente desenvolvidos para o equipamento.

Os desenvolvedores de aplicações serão os primeiros a ter o REX em suas mãos: uma edição especial do periférico, chamada de Tobii REX Developer Edition, estará à venda na semana que vem, de acordo com Hyléen, pelo valor de 995 dólares. O pacote para desenvolvedores inclui, além do equipamento, SDK (software development kit) e outros materiais de apoio necessários para ajudar os desenvolvedores a começar em uma área com a qual a maioria não está familiarizada.

Para começar, a empresa irá fabricar uma série limitada de 5 mil unidades do Tobii REX para os consumidores. Os usuários que quiserem ter acesso ao produto já podem entrar na fila e se inscrever no site da Tobii. "Nós sentimos que é uma boa ideia começar pequeno e provar que a tecnologia funciona e que há um mercado viável para isso", disse a diretora.
 
 
Fonte: IdgNow

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar