Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

3G BRASIL: CHIPS M2M SUPERAM OS CHIPS PARA BANDA LARGA MÓVEL

20/12/2012

Dados da Anatel, divulgados nesta quarta-feira, 19/12, mostram que os chips M2M - voltados para comunicação máquina a máquina - já superam os chips comercializados para o acesso à Internet móvel. O mercado de M2M respondeu, em novembro, por 2,56% do market share do 3G. A banda larga móvel ficou com 2,4%. Os celulares WCDMA chegaram a 21,53% da base total de terminais ativos no país.

Os números da agência reguladora mostram que os chips M2M chegaram a 6.605.487 milhões - 2,56%, com ritmo de crescimento constante - em outubro, esse percentual era de 2,48%, ou 6.432.719 milhões. Já os chips para os modems banda larga ficaram em 6,605.487 milhões, ou 2,4%, com viés de baixa, uma vez que, em outubro, esse percentual era de 2,52%, ou 6.527.004 milhões.

No total, em novembro, os terminais 3G chegaram a 62,58 milhões de acessos, com os celulares 3G chegando a 55.977.424 milhões, confirmando a tendência de alta, uma vez que, em outubro, eram 52.490939 milhões de celulares ativos, ou 20,24% da base total de celulares ativos. O GSM representa 73,17%, com
190.280.408 de linhas ativas.

Os dados da Anatel mostram que, em novembro, o Brasil fechou com 260,04 milhões de linhas ativas na telefonia móvel e teledensidade de 131,99 acessos por 100 habitantes. Foram registradas mais de 745 mil novas habilitações naquele mês. Os números mostram uma recuperação do mercado. Isso porque em outubro, o número de novos acessos caiu bastante - ficando em 436 mil. Apesar da recuperação, novembro ainda fica bem abaixo - 28% - do registrado em setembro - 959,6 mil novas habilitações.
 
 
 
 
Fonte: Convergencia Digital

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar