Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

GOOGLE É NOVAMENTE ACUSADO DE SONEGAÇÃO DE IMPOSTOS

21/11/2012

A França está negociando com o Google mais uma auditoria fiscal para pagamentos de impostos atrasados, segundo a Reuters. O ministro de orçamentos do país, Jerome Cahuzac, disse nesta terça-feira, 20, que as autoridades francesas estão examinando se a prática do Google de cobrar dos anunciantes franceses via sua filial na Irlanda levou a companhia a pagar menos impostos na França.

Para o Google provar sua inocência, ele deverá mostrar que o trabalho feito na Irlanda é maior que o realizado pela equipe francesa, de acordo com especialistas fiscais que estão envolvidos no caso. No entanto, o ministro afirmou que as evidências de que as atividades exercidas em solo francês são maiores são incontestáveis.

Esta não é a primeira vez que o Google é obrigado a prestar contas às autoridades europeias. O Comitê de Contas Públicas do Reino Unido também convidou a companhia a dar explicações sobre o pagamento de seus impostos na região na última segunda-feira, 12. O órgão britânico ainda pediu explicações à Amazon e à rede de cafereria Starbucks. 

Segundo o jornal britânico The Guardian, o Google reconheceu que a empresa cortou sua fatura fiscal no Reino Unido, canalizando os lucros de vendas da Europa nas Bermudas. Mas alegou que isso é perfeitamente legal. Já a Amazon consegue evitar impostos no Reino Unido, pois seu faturamento de vendas na Europa se dá em uma Luxemburgo – pequeno país limitado pela Bélgica, França e Alemanha.
 
 
 
Fonte: Olhar Digital

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar