Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

COM LANCE INICIAL DE R$ 162 MIL, LEILÃO DE COMPUTADOR APPLE I FRACASSA EM LONDRES

10/10/2012

  • Reuters

    Funcionário da Christie´s segura o Apple 1 com número de série 22; leilão da peça fracassou

    Funcionário da Christie´s segura o Apple 1 com número de série 22; leilão da peça fracassou

O leilão do Apple I, realizado nesta terça-feira (9) na casa de leilão Christie?s de Londres, fracassou. O preço inicial para a placa de circuito de 1976, considerada o primeiro modelo de computador da empresa de Steve Jobs, era 50 mil libras (cerca de R$ 162,6 mil). No entanto, segundo a organização confirmou para a ?ABC News?, o maior lance chegou a 32 mil libras (cerca de R$ 104,1 mil). 

Um porta-voz da Christie?s afirmou à ?ABC? que o futuro da máquina ainda é incerto. 
Quando o leilão foi anunciado, a organização divulgou que esperava arrecadar entre 50 mil e 80 mil libras (cerca de R$ 260,3 mil). Em junho, a casa de leilões Sotheby´s leiloou uma placa parecida, ainda em funcionamento, por cerca de R$ 750 mil.

Primeiros PCs e laptops de grandes fabricantes valem até R$ 755 mil para colecionadores

Foto 3 de 29 - Placa usada pelo Apple I, primeiro computador da Apple. Feito à mão, o computador não dispunha de teclado ou monitor, nem mesmo fonte de alimentação: os itens que tinham de ser comprados separadamente pelos seus usuários. Usava um processador de 1Mhz (os atuais são de cerca de 1Ghz), com 4 KB de memória RAM (que nos computadores de hoje é de 2GB) MaisReprodução/Telegraph

Com preço original de US$ 666,66 (cerca de R$ 1.353), o modelo oferecido pela Christie´s tem número de série 22 e pertencia a Joe Copson, um ex-funcionário da Apple.

Considerado o primeiro computador da empresa, o Apple I era montado por Steve Wozniak, cofundador da Apple. Consistia em uma placa de circuito com 8 kbs de memória. Quando apresentou a novidade, Wozniak também descreveu o "principal item", que não acompanhava a placa. ?Um teclado humano-digitável em vez de um estúpido e enigmático painel frontal, com um monte de luzes e chaves?, segundo descreve a biografia "Steve Jobs", de Walter Issacson. 

As placas montadas na garagem da casa dos pais de Steve Jobs, em Los Altos (Califórnia), foram encomendadas por Paul Terrell, dono da loja de informática Byte Shop. No entanto, foram entregues sem fonte de alimentação, caixa, monitor ou teclado, o que deixou Terrell um pouco desconcertado, ainda segundo o livro. "Tudo o que o usuário precisava para operá-lo era um teclado e um aparelho de TV", descreve a Christie´s no anúncio do leilão.

A casa não especificou se o teclado exibido na foto de divulgação seria leiloado junto com a placa, mas a oferta possivelmente referia-se somente à placa ? como fizeram Jobs e Wozniak ao vender o Apple 1 para a Byte Shop.




Fonte: Uol 

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar