Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

FACEBOOK DESAPONTA MERCADO EM SEU IPO

21/05/2012

Nesta sexta-feira (18/05), Mark Zuckerberg tocou o sino da Nasdaq e deixou registrado um dos dias mais importantes da história da rede social. O lançamento do IPO da empresa iniciou com atraso de meia hora e logo nos primeiros três minutos, cerca de 100 milhões de negociações já haviam sido feitas. Nos dez primeiros minutos de negociação, o volume do Facebook já tinha atingido um quarto do maior IPO da história no Estados Unidos. O maior volume de ações negociadas em uma oferta pública inicial aconteceu em 2010, quando a General Motors viu 456 milhões de ações sairem de suas mãos. 

A primeira ação da rede social custou US$ 43, com valorização de quase 13%. Porém, apesar das expectativas e do forte crescimento no início, os papéis apresentaram queda nos primeiros 30 minutos da abertura, chegando à mínima de US$ 38, preço da oferta pública inicial. Durante boa parte do dia, o Facebook manteve suas ações em US$ 40, porém, por volta das 16h (horário de Brasília), as ações apresentaram quedas, chegando novamente aos US$ 38. Nos picos do dia, as ações foram comercializadas a US$ 41,67 e chegaram a US$ 43,02. A companhia fechou seu primeiro dia da Nasdaq com ações valendo US$ 38,23, valor bem abaixo do esperado. Já o volume de papéis negociados ultrapassou o da GM, chegando a mais de 466 milhões.

Participantes do mercado previam valorização de até 50% dos papéis do Facebook em sua estreia. Porém, segundo o estrategista-chefe de mercado da John Thomas Financial, da corretora de varejo em Wall Street, Wayne Kaufman, algumas pessoas ficaram bastante infelizes com o desempenho da rede social. "Elas estavam esperando que o Facebook fosse consideravelmente melhor. Eu aposto que há muita gente desapontada no mercado", comentou à agência de notícias Reuters.

Analistas culparam o primeiro dia abaixo do esperado, entre outras razões, à fraqueza do mercado acionário de modo geral. A decisão da General Motors de reduzir a publicidade paga nas redes sociais, anunciada esta semana, também pesava. A ABR Investment Strategy publicou uma nota dizendo que esperava uma alta de US$ 47 a US$ 52 nas ações da companhia, mas que, na verdade, os papéis do Facebook valeriam apenas US$ 31. "Nós não apostamos contra o Facebook, mas sem uma estratégia móvel clara, acreditamos que os investidores devem esperar para avaliar antes de acumular o estoque", informou a companhia.

O Facebook precificou seu IPO no topo da faixa estimada, tornando-se a primeira empresa dos Estados Unidos a chegar à bolsa com um valor de mercado acima de US$ 100 bilhões. O banco norte-americano Morgan Stanley ficou com quase 38% dos papéis vendidos na oferta pública inicial de ações da companhia. Já o Goldman Sachs recebeu quase 15%, segundo a agência Estado.

 
 
Fonte: Olhar Digital

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar