Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

CASO DIECKMANN: GOOGLE DIZ QUE NÃO INTERFERE NOS RESULTADOS DE BUSCA

10/05/2012

Após pedir ao Google Brasil o bloqueio das fotos em que Caroline Dieckmann aparece nua e ameaçar processar a companhia caso não o fizesse, o advogado da atriz, Antonio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, disse ter desistido da ação. Ele alega que, de acordo com sua equipe, as imagens foram retiradas.

A empresa, no entanto, nega a informação. Em comunicado oficial, divulgado nesta quarta-feira (9/05), destaca que ?não interfere em seus resultados de busca?.

?O mecanismo de busca do Google é um indexador, ou seja, uma ferramenta que procura conteúdos disponíveis na Internet?, diz o texto. ?Para que um conteúdo não apareça na busca do Google, é necessário entrar em contato com o site que o hospeda e solicitar sua remoção.?

De fato, algumas das fotos vazadas continuam acessíveis e não é preciso procurar muito para encontrá-las. Em entrevista ao portal G1, o advogado Pedro Ivo Cordeiro, que também trabalha no caso, disse que houve ?uma redução significativa e grande esforço de não publicar as imagens?.

?O Google faz separação por dia e as que aparecem hoje antigas?, afirmou. ?O acesso está ficando mais difícil, não só no Google Images como também no YouTube.?

A companhia de Mountain View não costuma interferir no conteúdo exposto para não ser acusada de cercear a liberdade de expressão. Em geral, exceção feita a condutas graves como pedofilia, espera pela medida judicial que a obrigue a omitir determinado material. Se, portanto,  Almeida Castro não der prosseguimento à ação, as fotos possivelmente continuarão disponíveis.
 
 
 
Fonte: IDGNow

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar