Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

PORTUGAL QUER IMPLEMENTAR IMPOSTO SOBRE O GIGABYTE

20/04/2012

Parece piada de português, mas é verdade. Uma proposta de lei no parlamento de Portugal quer implementar uma taxa adicional em discos rígidos e outros dispositivos de armazenamento para prevenir a cópia indevida de material protegido por direitos autorais.

Segundo a proposta, HDs seriam taxados na base de dois centavos de Euro por cada gigabyte. Em discos rígidos de 1TB, por exemplo, essa taxa extra significaria ?21 (aproximadamente 52 reais) a mais no preço. Se a capacidade do HD for maior que um 1TB, a taxa é ainda maior, cobrando 2 centavos e meio por GB. Assim, um disco rígido de 2TB teria o acréscimo de mais de ?51 (em torno de 125 reais) em imposto.

A proposta vai além: drives externos teriam o gigabyte ainda mais caro, a cinco centavos de Euro. Um dispositivo de armazenamento externo de 2TB teria seu preço aumentado em ?51 (mais de 250 reais).

A nova lei não poupa nem proprietários de pen drives, cartões de memória ou celulares. Os dois primeiros pagariam seis centavos de Euro por gibabyte, enquanto telefones móveis e similares seriam taxados em 50 centavos de Euro por gigabyte, vinte vezes mais do que um HD acima de 1TB. Se aprovada, a lei tornaria um iPhone de 64GB oitenta reais mais caro do que já é, convertendo do Euro.

Segundo a revista Exame Informática portuguesa, são grandes as chances de que a lei seja aprovada. Atualmente já vigora em Portugal uma lei que sobretaxa CDs e DVDs em 3 centavos de Euro, partindo do princípio que eles podem ser usados com fins de pirataria.
 
 
 
 
Fonte: Codigo Fonte

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar