Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

OI NÃO DESTINA RECURSOS ESPECIAIS PARA LEILÃO 4G

18/04/2012

O presidente da Oi, Francisco Valim, prefere não especular sobre a presença da tele no leilão 4G, previsto para junho - aguarda ainda a divulgação dos preços por parte da agência, após aval do Tribunal de Contas da União. Mas sustenta que os custos de aquisição de licença e montagem da infraestrutura estão embutidos nos R$ 6 bilhões de investimentos previstos para 2012.

"Não pensamos em verba especial para o 4G. A ideia nossa é investir na banda larga móvel. Tanto que aumentar a cobertura 3G é uma prioridade. Estamos muito atrás dos nossos concorrentes e estamos trabalhando para reduzir essa defasagem", afirmou Valim, nesta terça-feira, 17/04, durante o Investor Day, realizado no Rio de Janeiro.

Questionado se o prazo dado pela Anatel para o início da oferta 4G - nas cidades que vão sediar a Copa das Confederações, em junho de 2013 - era ´apertado´, Valim, num tom irônico, disse que não cabia a ele contestar a agência reguladora, mas disparou. "Os estádios não vão ficar prontos neste período. Mas nós de telecom temos que correr para ter o LTE".

O 4G está, sim, nos planos da Oi, isso Valim não escondeu. Mas há ainda que se avaliar como o governo vai cobrar pela licença nacional e quanto sairá a implantação da rede de 450 MHz. "Há ainda muitos pontos para serem esclarecidos. Tenho uma equipe debruçada no 4G, mas será um certame que envolverá muito dinheiro", sinalizou Valim.
 
 
Fonte: Convergencia Digital

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar