Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

ESPECIALISTAS CRITICAM POLÍTICA DE PRIVACIDADE DE APPS MÓVEIS

22/03/2012

As vantagens e os perigos dos aplicativos em smartphones foram tema do seminário "Aplicativos x Privacidade", realizado nesta quarta (21) pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP) na sede da entidade, na capital paulista.

Segundo o presidente do Conselho de Tecnologia da Informação da FecomercioSP, Renato Opice Blum, o grande problema é que as pessoas baixam aplicativos sem saber quais dados são coletados e para que serão usados. "O ideal seria que os aplicativos tivessem termos de uso claros para o consumidor", afirma. "Hoje, contudo, não existe uma clareza sobre o que pode e o que não pode ser feito, e enquanto o termo de uso de alguns programas da Apple tem mais de 40 páginas, o de alguns só tem uma linha", completa. Já Rony Vainzof, vice-presidente do conselho, argumenta que a maioria dos usuários não lê os termos de uso porque sabe que, se não concordar com eles, não poderá utilizar o software.

Termos de uso
Na opinião do diretor da Express Apps, Sérgio Cury, parte da insegurança quanto ao uso das informações coletadas pelos aplicativos deve-se ao crescimento muito rápido desse mercado, ainda muito recente. "O próprio iPhone só começou a ser vendido em 2008, e o Android só surgiu um ano depois", comenta. Cury destaca que os sistemas já representam 70% dos mais de 247 milhões de aparelhos celulares no Brasil, 19% deles com internet 3G.

Para se proteger do uso indevido dos dados coletados por aplicativos, Marcio Pissardo, diretor da Livetouch, afirma que o melhor método ainda é ler com cuidado os termos de uso, que precisam estar em português. "É um erro das empresas ter termos de uso somente em inglês, porque é possível invalidar o contrato alegando que se desconhece o idioma", explica. Pissardo também recomenda que se coloque uma senha no celular, já que os aplicativos guardam muitas informações pessoais. "Em caso de perda ou roubo, é a melhor forma de prevenir que suas informações sejam acessadas por outras pessoas", conclui.
 
 
 
Fonte: IdGNow

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar