Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

WINDOWS LIVE PODE ESTAR COM OS DIAS CONTADOS

28/02/2012

A marca "Windows Live" pode fazer parte do passado da Microsoft com a chegada do Windows 8 e das mudanças estratégicas na empresa. Diversos aplicativos já abandonaram o nome e o futuro é incerto para a polêmica grife criada em 2005.

O Windows Live surgiu como uma tentativa de reformular a suíte de serviços antes conhecida como MSN Network. Windows Live Messenger, Windows Live Hotmail, Windows Live ID, Windows Live SkyDrive, Windows Live Calendar, Windows Live Contacts... a lista era extensa. Com o lançamento do Vista e a criação do pacote "Live Essentials", surgiram também o Windows Live Movie Maker, Windows Live Photo Gallery e Windows Live Writer, com pouco em comum além do nome.

Sete anos depois, o cenário não é promissor para a marca... O sistema de autenticação Windows Live ID que interligava os serviços mudou de nome mais uma vez. O que já foi Microsoft Wallet, Microsoft Passport,  .Net Passport, e Microsoft Passport Network, agora se chama Microsoft Your Account.

O Windows Live Hotmail, voltou a se chamar Microsoft Hotmail. O sistema de sincronização e armazenamento conhecido como Windows Live SkyDrive não apenas reduziu seu nome para SkyDrive, como também assimilou as funcionalidades do extinto Live Mesh, outrora Windows Live Sync e Windows Live FolderShare.

Outras aplicações parecem agora fazer parte do Windows 8 e também foram renomeadas: Windows Live Calendar renasceu como Calendar no novo sistema operacional, Windows Live Contacts agora é chamado de People e o Windows Live Photo Gallery passou a ser apenas Photos no próximo Windows.

O Windows Live Messenger, o eterno "MSN" para a maioria dos brasileiros, pode mudar de nome para Messenger ou Messaging, segundo rumores.

Permanece desconhecido o destino de outros aplicativos como oWindows Live Family Safety, Windows Live Movie Maker, e o Windows Live Writer, mas é garantido que, isolados, não constituem mais uma família de serviços no novo cenário da Microsoft.
 
 
Fonte: Codigo Fonte

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar