Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

ADOBE ENCERRA O DESENVOLVIMENTO DO FLASH PLAYER PARA LINUX

24/02/2012 01:00:00

A Adobe informou na última quarta-feira (22/02) que não vai mais oferecer downloads diretos do Flash Player para Linux. A empresa recomenda que os usuários do sistema passem a usar o navegador Google Chrome, que traz uma versão do Flash Player integrada. Essa foi a segunda vez em três meses que a Adobe removeu parcialmente ou encerrou o suporte de uma versão do popular do programa: em novembro, a empresa já havia anunciado que estava abandonando o desenvolvimento do Flash para navegadores móveis, incluindo o novo Chrome para Android.

Em um roteiro para o Flash (faça o download do PDF), a Adobe revelou seus planos para 2012 e 2013.

A última versão standalone para Linux, o Flash Player 11.2, será lançada até o final de março, de acordo com o documento. Depois disso, só mesmo migrando para o Google Chrome. Desenvolvedores da Google vêm trabalhando em uma nova API (interface de programação de aplicativos), apelidada de "PPAPI" (Pepper Plugin API), ou apenas "Pepper", para substituir o antigo Netscape Plugin API (NPAPI) que o Flash e outros plug-ins usam em navegadores que não são da Microsoft.

A Adobe tem colaborado com a Google para a implantação do Pepper para o Flash, que vai criar um único plug-in para todos os sistemas que o Chrome suporta _ Windows, Mac OS X e Linux.  "A Google vai começar a distribuir este novo Flash Player baseado em Pepper como parte do Chrome ainda neste ano?, informou a Adobe.

O Chrome já suporta o PPAPI desde a versão 14, lançada em setembro do ano passado - e o usa para leitor de PDF do próprio navegador.

O Flash Player 11.2 será a última versão para Linux que a Adobe oferecerá para download em seu próprio site, mas prometeu suportar essa edição com patches de segurança ao menos pelos próximos cinco anos. A Adobe enfatizou que continuará a criar novas versões do Flash Player para outros navegadores no Windows e no Mac.

Para o Mac OS X, da Apple, a Adobe disse que está trabalhando  em um modo seguro para aplicações Adobe AIR - ambiente de execução multi-plataforma que permite que desenvolvedores criem aplicativos utilizando, entre outras coisas, Flash e HTML, de modo que eles possam ser baixados na Mac App Store.
 
 
 
Fonte: PcWorld

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar