Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

OPERADORAS PERDEM US$ 13,9 BI EM 2011 PARA REDES SOCIAIS

23/02/2012 01:00:00

Estudo divulgado pela empresa Ovum indica que as operadoras de telefonia móvel estão assistindo a queda das receitas em suas áreas de SMS (Short Message Service) por conta da adoção cada vez maior de apps para serviços de mensagens alternativos e redes sociais, como Facebook, WhatsApp e Twitter. A Ovun estima que as operadoras do mundo todo tenham perdido pelo menos 13,9 bilhões de dólares em receita no ano passado por causa do uso de serviços de mensagens baseados em IP e redes sociais.

O valor representa uma fatia de 9% das receitas nessa categoria. Em 2010, segundo a Ovum, a perda teria sido de 8,7 bilhões de dólares.Os serviços de SMS and MMS (Multimedia Messaging Service) são as fontes de receita não ligadas a serviços de voz mais importantes para as operadoras no momento, diz Neha Dharia, analista de consumo da Ovum.

Os consumidores, particularmente aqueles que entendem mais de tecnologia (os chamados early adopters), preferem por exemplo usar um serviço como o Blackberry Messenger que mandar um SMS, diz Dharia. "Mensagens de texto são uma receita muito importante e as pessoas começaram a reduzir seu uso", afirma a analista. Serviços como o Blackberry Messenger e o WhatsApp usam a conexão de dados do celular ou mesmo uma conexão Wi-Fi para enviar mensagens. Usuários de smartphones optam regularmente por comprar pacotes com as operadoras que já incluam planos de dados por internet e seus aparelhos têm conexão Wi-Fi, portanto dois jeitos simples de contornar o SMS para mandar mensagens.

As operadoras já viam o problema se aproximando há um bom tempo, diz a analista. Uma solução para as empresas é oferecer seus próprios serviços de mensagem usando um conjunto de especificações chamado Rich Communication Suite (RCS), que permite habilitar via IP recursos de mensagem instantânea, vídeo, transferência de arquivos e outros recursos para equipamentos móveis.Segundo o estudo da Ovum, os esforços em torno do RCS estão começando a aparecer no mercado, mas as operadoras precisam se apressar, diz Dharia, bem como começar a repor a perda da receita do SMS com outras fontes, como por exemplo serviço de banda larga móvel.
 
 
 
Fonte: Computerworld

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar