Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

NÚMERO DE NOVOS ASSINANTES DESPENCA NA CLARO

16/02/2012 01:00:00

A briga pelo topo do setor de telefonia móvel continua acirrada. Há meses, TIM e Claro vêm lutando para ganhar espaço no mercado e se aproximar da líder Vivo. Desde julho de 2011, a TIM vem-se mantendo na segunda posição e números divulgados pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) hoje (15/2) mostram que a diferença entre a segunda e terceira colocadas no ranking está aumentando. A distância entre TIM e Claro agora é de 17,86% [em novembro de 2011 era de 17,1%].

Em janeiro de 2012, a TIM contabilizou 1 milhão de novos assinantes, somando 65,1 milhão de celulares habilitados, o que a coloca com a diferença de 4,36 milhões de acessos em relação à Claro, que adicionou à sua base quase 382 mil novos assinantes, somando 60,7 milhões.

Como em dezembro de 2011 a Claro registrou aumento de 1,1 milhão de novos assinantes, esse desempenho mostra uma diferença de menos 765.347 celulares habilitados ? queda de 66,7% em relação a dezembro.

Embora Vivo, TIM, Claro e Oi tenham recuado em número de novos assinantes [geralmente, dezembro há grande adição de assinantes em razão do Natal], a queda mais expressiva foi a da Claro. No período, TIM, Claro e Oi também perderam participação no mercado de 0,1%, 0,15% e 0,16%, respectivamente. Somente a Vivo obteve aumento de 0,19% no market share, ao somar a sua base 1,3 milhão de assinantes, totalizando 72,8 milhões de clientes.

A Oi também sofreu queda na adição de novos assinantes e permanece na quarta colocação. Em dezembro de 2011, registrou 822 mil novos usuários [total de 45,4 milhões] e em janeiro 171 mil [total de 45,6 milhões].

Segundo dados da Anatel, o Brasil encerrou janeiro com quase 245,2 milhões de acessos de telefonia móvel, sendo que a teledensidade foi de 125,29 [em dezembro de 2011 foi de 123,87]. Destaque ainda para a ativação de terminais de banda larga 3G, que somaram 50,8 milhões, um crescimento de 23,4% sobre os 41,1 milhões registrados em dezembro do ano passado.
 
 
 
Fonte: IdGNow

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar