Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

VIRGIN MOBILE CHEGA AO BRASIL COMO OPERADORA VIRTUAL

08/02/2012 01:00:00

O Brasil terá uma operadora móvel virtual (MVNO) especializada no atendimento do público jovem. A nova empresa é resultado de uma parceria formada entre a Virgin Mobile Latin America (VMLA) e a companhia nacional Datora Telecom. Ambas estão em fase de constituição da prestadora de serviços, ainda sem data definida de lançamento.

A Virgin Mobile já opera em sete países (Austrália, Canadá, França, Índia, África do Sul, Reino Unido e EUA) e atende a 15 milhões de assinantes de serviços móveis. Para 2012, a companhia está expandindo atuação para a América Latina com a intenção de se tornar a principal operadora virtual da região nos próximos cinco anos.

O plano para entrada no Brasil é por meio de um sócio local, que será a Datora Telecom, que no ano passado recebeu licença da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) para operar como MVNO, serviço regulamentado no País no ano passado. A empresa também faz parte da sociedade da Porto Seguro Telecom, uma das primeiras autorizadas pela agência a funcionar como operadora móvel virtual.

Wilson Otero, CEO da Datora, conta que a Virgin estudou todas as possibilidades de operação do Brasil e concluiu que a associação com uma empresa local encurtaria o caminho. ?Eles não têm rede no Brasil, nem acordos de interconexão e nós temos contratos com todas as empresas aqui?, comenta o executivo.

A VMNO formada entre Virgin e Datora deverá ser uma autorizada, que cuidará da venda, entrega e todo o serviço prestado aos clientes. A empresa só não terá a rede de antenas. O plano da nova operadora é atender ao público jovem, criando ofertas personalizadas para ele, que, segundo Otero, tem muito potencial para gerar negócios no Brasil. Nesse momento, as duas companhias estão definindo a parte societária da VMNO para depois escolher a operadora fornecedora da rede e  plataforma de serviços.

No caso da Porto Seguro Telecom, a parceria é com a TIM e a tecnologia adotada foi a da Ericsson, mas Otero conta que o projeto da Virgin está em processo de análise. Por isso, ele não sabe ainda quando a nova companhia entrará em operação no Brasil.

O primeiro país contemplado com o serviço da Virgin na América Latina deverá ser o Chile, com lançamento previsto para março. O segundo será Colômbia, na segunda metade deste ano. A VMLA já recebeu aprovações regulatórias para atuar também no México e no Peru.
 
 
 
Fonte: Computerworld

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar