Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

FERRAMENTA PROMETE ´CONSERTAR´ MOTOR DE BUSCA DA GOOGLE

25/01/2012 01:00:00

O recente movimento da Google de priorizar sua rede social nos resultados exibidos por seu motor de busca já enfrenta oposição. A fim de lembrar a empresa quanto ao seu mote ? Don´t Be Evil (Não Seja Mau) ? um bookmarklet (código JavaScript armazenado como uma URL nos Favoritos) que reformula as prioridades do serviço de pesquisa foi criado.

Chamado de ?Focus on the user? (Foco no usuário), ele foi desenvolvido por uma equipe de engenheiros anônimos. Alguns deles, supostamente, seriam funcionários de companhias como Facebook, Twitter e MySpace. O código, porém, não coloca necessariamente esses portais no topo da pesquisa; em vez disso, analisa os sites sociais exibidos nas dez primeiras páginas do Google e os reordenam, de modo a eliminar as artimanhas.

Como exemplo, o ´Focus´ traz um vídeo: sem sua instalação, ao se pesquisar por ´AT&T´, o perfil da operadora no Google+ é o primeiro a aparecer; quando executado, porém, a conta no Twitter é que surge na liderança.

Leia mais: Twitter acusa Google de "quebrar" a Internet

De acordo com os desenvolvedores, essa ordem é bem mais lógica. No microblog, a operadora tem 118 mil seguidores, enquanto que na rede social da gigante não possui nem um décimo disso. Sem a interferência da companhia de Mountain View, o Google+ é só o sexto da lista.

O bookmarklet serve também para alterar as sugestões de busca quando o internauta digita algo na caixa de texto. Adicioná-lo é uma tarefa bastante simples: basta acessar o portal oficial, clicar no ícone azul e levar o botão ?Don´t Be Evil? à barra de favoritos do navegador ? funciona com Firefox, Chrome e Safari. Depois, faça uma pesquisa no Google e, em seguida, clique no link acrescentado. 

Os responsáveis pela ferramenta enfatizam que eles não utilizam nenhuma API ou informação pessoal para exibir os resultados. Em vez disso, simplesmente filtram o Google, para anular as mudanças impostas que priorizam os produtos da empresa. O código fonte do bookmarklet, inclusive, está disponível ao público.
 
 
 
 
Fonte: Olhar Digital

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar