Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

CRACKER ISRAELENSE LIBERA SENHAS DE 100 MIL USUÁRIOS ÁRABES DO FACEBOOK

24/01/2012 01:00:00

Um cracker que alega agir em defesa de Israel liberou 100 mil credenciais de usuários do Facebook, supostamente árabes, no quem vem sendo uma ciberdisputacada vez mais tensa entre os dois lados. 

O cracker, que adota o nome de Hannibal, postou as credenciais em quatro partes no site Pastebin, além de torná-las disponíveis em outros 14 sites de compartilhamento.

Em uma nota apresentando os dados, ele alegou ter detalhes de 30 milhões de contas de e-mail, 10 milhões de contas bancárias, e 4 milhões de cartões de crédito pertencentes a ?árabes de todo o mundo?.

Hannibal parece ter proposto uma trégua, uma vez que os cibertaques contra Israel parecem ter diminuído nos últimos dias, mas prometeu sair em defesa do país caso necessário: ?Se eles aparecerem de novo, vou salvar Israel mais uma vez. Confiem em mim. Sempre estarei por perto.?

E-mails enviados para um endereço fornecido por Hannibal nos dados do Pastebin foram rejeitados pelo provedor de hospedagem.

Desde o último dia 13, Hannibal liberou pacotes com detalhes de e-mails e informações de login no Facebook. Representantes da rede social afirmaram na última semana que um dos pacotes lançados pelo hacker continha menos de um terço de credenciais válidas, e que metade delas não era associada com contas do site.  ?Isso não representa um hack do Facebook ou dos perfis de usuários do Facebook?, afirmou o site. 

O Facebook afirma que valida toda tentativa de login no site, esteja a senha correta ou não, com o intuito de escanear a página em busca de atividade maliciosa.

Há algumas semanas, um hacker que adota o nome de ?oxOmar? liberou dezenas de milhares de números de cartão de crédito de cidadãos israelenses. O Departamento de Supervisão Bancária de Israel afirmou depois que apenas 15 mil desses números estavam ativos. 

Pouco após esse vazamento, um usuário do Twitter chamado Omer Cohem (ou ?0xOmer?) liberou os números e datas de expiração de 400 cartões de crédito pertencentes a moradores da Arábia Saudita. No entanto, Omer Cohen não publicou o CVC, o código de três dígitos na parte traseira do cartão, necessário para a realização de compras online.
 
 
 
Fonte: IdGNow

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar