Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

SMARTPHONE QUE SE RECARREGA COM LUZ SOLAR ´AINDA NÃO É PRÁTICO´, AFIRMA NOKIA

04/01/2012 01:00:00

Carregar um smartphone apenas com energia solar é possível, mas desafiador, concluiu a fabricante finlandesa de smartphones Nokia após um projeto de pesquisa sobre o assunto. Ainda há um bom caminho a percorrer antes de tornar uso de energia solar uma solução viável e livre de preocupações, de acordo com a empresa.

Quando cuidadosamente posicionados, os protótipos desenvolvidos pela empresa foram capazes de absorver energia suficiente para, no máximo, manter o telefone em modo de espera, com uma quantidade muito limitada de tempo de conversação, a empresa escreveu em seu blog nesta terça-feira (3/01). O grande desafio é o tamanho limitado da parte traseira dos aparelhos, que restringe a dimensão do painel solar que carrega os dispositivos.

Resultados razoáveis foram obtidos quando os smartphones são carregados na rua, por exemplo, com o aparelho pendurado no pescoço. Mas esse método do não é ?o mais conveniente, nem sequer está na moda, e outra solução é necessária?, afirmou a Nokia. Os melhores resultados foram obtidos no Quênia. Os protótipos da Nokia também foram testados no sul da Suécia, no Círculo Ártico e no Mar Baltico.

Carregar smartphones com energia solar não é um conceito novo. Por exemplo, a Nokia lançou um aparelho com essa tecnologia, que empresa afirma ser o primeiro, em 1997. Recentemente, fabricantes como a Samsung e a LG também apresentaram smarphones com paineis solares na parte traseira. O Samsung S7550 Blue Earth e o LG GD510 foram anunciados em 2009.

Entretanto, as fabricantes pensaram que poderiam capitalizar o interesse público por produtos ecologicamente corretos, de acordo com Francisco Jeronimo, gerente de pesquisas da consultoria IDC. Mas os consumidores não estavam dispostos a pagar mais caro por um painel solar nos dispositivos, e a tecnologia ainda não está madura o suficiente para ir ao mainstream, disse ele.

Em partes do mundo onde a eletricidade é escassa, faz sentido usar a energia solar para carregar smartphones, apesar de a tecnologia estar longe de ser perfeita, de acordo com Jerônimo.

O inventor norte-americano Charles Fritt é creditado por ter criado o primeiro painel solar em 1883, segundo a Nokia. Fritt revestiu selênio, material semicondutor, com uma camada extremamente fina de ouro, criando um painel com apenas 1% de eficiência, escreveu a empresa em seu blog no ano passado.

 
 
 
Fonte: Pcworld

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar