Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

RISCOS E OPORTUNIDADES DA NUVEM

23/11/2011 01:00:00

Para muitas pessoas, falar sobre cloud computing é modismo, enquanto para outras não há significado algum. O grupo técnico, por exemplo, conhece o conceito, mas não o associa aos negócios. São poucos os que enxergam oportunidades para empresas comuns e não para as de TI, que já lançaram muitos produtos para a nuvem.

Ainda não existe uma visão clara do que a nuvem pode trazer de riscos e oportunidades. Hoje, pensar em produtos e serviços é necessariamente pensar em nuvem, primeiramente como estratégia de redução de custos internos, sabendo que manter estrutura tecnológica em casa custa caro. Segundo, porque ambiente interno toma tempo e a frase mais comum que escutamos é que ?tempo é dinheiro?, então, se nos toma tempo, nos toma dinheiro. Esse é o principal discurso utilizado pelos fornecedores, mas é a ponta do iceberg.

O que é mais visível, porém, é que existem diversos riscos e oportunidades ?escondidas?. Pensemos, por exemplo, em uma comunidade de associações de classe, sendo que cada uma delas pensa e age individualmente. No máximo trocam experiências em encontros. Em uma nuvem, todas as associações podem compartilhar custos de TI, comprar em um portal único para reduzir custos, utilizar o mesmo software, o mesmo portal, a mesma estrutura de e-mails, o mesmo site de vendas e o mesmo controle de associados. Enfim, se você fornece para uma associação pense nisso!

É claro que temos de levar em consideração o risco de deixar de ser fornecedor, mas há também a possibilidade de prover a todos, daí surge uma pergunta: estou preparado? Para essa pergunta, não há resposta padrão, mas resposta única. Descobri-la significa entender o momento e decidir o que se quer e como se pretende atingir. Primeiro, respondo, depois, e finalmente, coloco em prática a estratégia (execução).

Muitas empresas e negócios vão desaparecer, outros vão-se adaptar e outros ainda surgirão. É o conceito de Darwin, em que vence o que se adapta melhor. É exatamente o que está ocorrendo com as livrarias que estão desaparecendo e dando espaço para o livro virtual. Caso minha empresa fosse uma editora ou gráfica, o que eu deveria fazer?

Os jornais e as revistas já reestruturam seus negócios, alguns sucumbiram. Outros estão na internet e ainda vendendo revistas no iPad à preço de banca, sem ter de imprimir, distribuir e recolher sobras. Isso sim é se adaptar a esse novo mundo. Se sua empresa presta serviços de rede e infraestrutura, o que vai fazer? Talvez possa ser uma consultoria de portais, uma companhia para treinar as pessoas. Também poder criar uma nuvem de apoio aos usuários remotos.

O fato é que a nuvem chegou. Para alguns é chuva, para outros vida. Esperamos que você desfrute do conteúdo e possa descobrir sua oportunidade.
 
 
 
 
Fonte: CIO

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar