Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

ODEBRECHT QUER SOCIEDADE COM TELEBRAS EM CABO SUBMARINO

22/11/2011 01:00:00

A Odebrecht está negociando com a Telebras uma possível participação no projeto de implantação de novos cabos submarinos. Nesse caso, entraria com parte do capital da empresa a ser criada ? liderada pela estatal ? para as novas saídas de Internet em direção aos Estados Unidos e Europa.

?Estamos conversando sobre uma possível participação da Odebrecht no projeto do cabo?, disse o presidente da Telebras, Caio Bonilha, após reunião com o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, nesta segunda-feira, 21/11.

A ideia do projeto é garantir valores menores que os que os atuais nas conexões internacionais e beneficiaria não só o Brasil, mas outros vizinhos sulamericanos. ?Nosso objetivo é termos preços mais baixos nas conexões IP?, afirmou Bonilha.

O projeto do cabo submarino está associado à interligação de redes sulamericanas o que, em essência, garantirá demanda para as novas conexões internacionais. Por isso, além da Odebrecht, outras parcerias podem se dar com empresas de outros países da região.

Isso porque há interesse de algumas delas de também entrarem no capital dessa nova empresa, responsável pela implantação e operação dos cabos submarinos. A parceria pode ser estendida, inclusive, à Angola Telecom, uma vez que os africanos foram pioneiras na discussão de uma ligação que beneficiasse Brasil e África.

Por outro lado, alguns dos países vizinhos demonstraram, até agora, que entrarão no projeto somente com a demanda pelo transporte de dados. Pelo menos foi essa a posição sinalizada pelo Chile, há um mês, durante reuniões com brasileiros.

Além desses arranjos, é provável que a Telebras precise montar uma empresa nos Estados Unidos para superar as limitações legais que exigem empresas norteamericanas na implantação de cabos submarinos naquele país.


 
 
 
Fonte: Convergencia Digital

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar