Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

CORPORAÇÕES ADOTAM POLÍTICAS ´POBRES´ NO USO DAS REDES SOCIAIS

26/10/2011 01:00:00

As redes sociais têm impacto semelhante ao do início do uso da Internet comercial - quando muitas organizações duvidavam do potencial da Rede para fazer negócios corporativos - e as empresas, mesmo com 58% afirmando ter algum tipo de ação na área, não estão preparadas para explorar o potencial de oportunidades, adverte o VP do Gartner, Nikos Drakos.

O consultor, que participa do Gartner Simposium Brasil, que acontece esta semana na capital paulista, mostra que 20% das corporações já têm orçamento dedicado para ações nas redes sociais, mas apenas 7% já têm o marketing integrado a essa atividade. Na questão do uso, o percentual pode subir para 79%, uma vez que 21% das empresas garantem estar com estratégias prontas para serem lançadas.

"Usa-se o Facebook e o Twitter muito mais para estar presente do que como ferramenta de negócio na prática. Ainda são poucas as corporações que sabem explorar o benefício de canal de relacionamento", sustenta Drakos. Por necessidade, observa ainda o especialista, o varejo sai na frente no uso das redes sociais para contato direto com o cliente, citando exemplos como o da Procter &Gamble, que criu uma campanha viral no You Tube e no Twitter.

Mas há segmentos - em especial, o Governo - que ainda não atentou para os benefícios da plataforma. "Essa é uma visão mundial. Os governos não sabem usar as redes sociais e deveriam porque são meios de comunicação ágeis e de grande interatividade", destaca Drakos.

 
 
 
Fonte: Convergencia Digital

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar