Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

WIKILEAKS: COLABORADORES CRITICAM POSTURA DO SITE E DE JULIAN ASSANGE

05/09/2011

Empresas que, até então, vinham colaborando com o grupo de ciberativistas WikiLeaks emitiram um comunicado nesta sexta-feira (2/9), no qual criticam a postura do site e de seu fundador Julian Assange. O motivo foi a divulgação de mais de 250 mil cópias de documentos diplomáticos dos Estados Unidos, sem editar as informações, antes de colocá-las no ar.

O comunicado foi assinado pelos jornais New York Times, The Guardian, El Pais, Le Monde e a revista Der Spiegel. De acordo com notícia da Reuters, no documento, eles lamentam a decisão do WikiLeaks de ter divulgado as mensagens que podem colocar as fontes em risco.

Em seu Twitter, o WikiLeaks confirmou a divulgação de "251.287 mensagens da embaixada norte-americana em formato que pode ser buscado".

Durante entrevista à Reuters, o editor do New York Times Bill Keller afirmou: "Nós nunca nos enganamos ao achar que tínhamos algum controle sobre o comportamento do WikiLeaks". Ele disse ainda considerar "triste que - seja por necessidade de atenção ou uma doutrina absolutista de transparência ou qualquer outro motivo maligno que não posso julgar -, o Wikileaks tenha decidido ir por esse caminho irresponsável."
 
 
 
Fonte: Olhar Digital

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar