Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

FACEBOOK VIRA ALVO DE HACKERS DISSIDENTES

18/08/2011

Começou com um vídeo misterioso, foi parar na CNN, rodou a internet e grudou no inconsciente cibernético: no dia 5 de novembro, o Facebook "será destruído". Ou pelo menos era o que dizia a voz no vídeo atribuído ao grupo de hackers Anonymous, o mesmo que atacou empresas como Sony e Amazon.

Reprodução
Captura de tela do vídeo atribuído ao Anonymous que anuncia o fim do Facebook
Captura de tela do vídeo atribuído ao Anonymous que anuncia o fim do Facebook

No dia seguinte, porém, uma das contas do grupo no Twitter negou a "Operação Facebook" e disse se tratar de "apenas um boato". "Mídias do mundo, parem de mentir!", escreveu. Mas o estrago já estava feito, e o vídeo alcançava mais de 1 milhão de acessos.

De acordo com o site Gawker, havia de fato uma "Operação Facebook" em andamento entre os membros do Anonymous, um coletivo internacional de hackers. Eles queriam chamar a atenção dos usuários do Facebook para questões de segurança, incitá-los a deixar o site no dia 5/11 e criar uma rede social própria.

A ideia acabou descartada, mas alguém de dentro resolveu levá-la adiante. Outro comunicado, indo de encontro ao anterior, confirmou a apuração do Gawker, afirmando que o projeto estava sendo organizado por alguns membros da organização e que isso "não necessariamente significa que o Anonymous esteja de acordo".

O vídeo, que foi removido do YouTube, alegava que o Facebook vende informações para governos e empresas, mesmo quando o usuário se desliga da rede. A empresa nega as acusações.

O dia 5 de novembro é emblemático para o grupo hacker, que tem como marca a máscara popularizada pelo filme "V de Vingança", inspirado em Guy Fawkes, que, na mesma data, em 1605, tentou explodir o Parlamento inglês.
 
 
 
 
 
Fonte: Folha

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar