Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

BATERIAS DE MACBOOKS SÃO VULNERÁVEIS A MALWARE E PODEM ATÉ EXPLODIR

26/07/2011

Usuários de MacBooks estão sendo avisados que as baterias de seus notebooks da Apple estão vulneráveis a hacks. Após estudar as baterias de diversos MacBooks, MacBook Pros e MacBook Air, o pesquisador de segurança Charlie Miller descobriu que os chips microcontroladores do notebook da ?maçã? usam senhas padrão e que, uma vez que elas sejam descobertas, podem ser usados como um esconderijo para malware, bem como um canal para desabilitar a bateria e até mesmo explodi-la.

?Essas baterias simplesmente não foram desenvolvidas pensando na possibilidade de que alguém irá modificá-las?, disse Miller, em entrevista à Forbes. ?O que estou mostrando é que é possível usá-las para fazer algo realmente ruim.?

Usando senhas associadas com uma atualização de 2009 da Apple, Miller conseguiu desabilitar permanentemente várias baterias, manipular informações enviadas para o sistema operacional e carregador, e reescrever completamente o firmware do chip. Ele disse que uma pessoa mal-intencionada poderia instalar malware no chip para infectar o restante do computador e roubar dados, controlar suas funções, ou causar crash. E mesmo com as baterias que estudou possuindo proteções contra explosões, o pesquisar pensa que seria possível explodi-las remotamente.

O que complica a situação é que as baterias dos notebooks da Apple são embutidas em vez de removíveis.

?Essa mudança começou em 2009 com o MacBook Pro de 17 polegadas, e continou depois para os outros modelos, resultados em ganhos consideráveis de duração de bateria ao custo da fácil reposição. Isso significa que se uma bateria for danificada de algum modo, é um conserto mais complicado. Ao mesmo, isso significa que os invasores precisam ter controle do sistema antes que possam fazer qualquer coisa?, escreveu Josh Lowensohn na CNET.

Confira algumas dicas para evitar problemas.

  • Apenas aceite instalações ou atualizações de fontes confiáveis, e depois de verificá-las com softwares de segurança
  • Nunca confie em spams
  • Tome muito cuidado com janelas pop-up que sugiram uma atualização
  • Fique longe de serviços ilegais de compartilhamento de arquivos

De acordo com o Huffington Post, Miller disse que a maioria dos usuários não deve ficar muito preocupado com um hacker tomando controle da bateria de seus notebooks. E o Apple Insider informa que Miller acreditar que a segurança do Mac OS X é melhor do que nunca apesar de suas descobertas.

Miller, que trabalha para a empresa de segurança Accuvant, planeja discutir suas descobertas na conferência de segurança Black Hat, que acontece no mês que vem em Las Vegas, EUA.
 
 
 
 
Fonte: IdGNow

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar