Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

SETOR DE TELESSERVIÇOS PREVÊ MAIS 60 MIL NOVAS VAGAS

07/07/2011

As empresas de call center do país contrataram cerca de 60 mil profissionais nos primeiros seis meses desse ano, aponta a ABT ? Associação Brasileira de Telesserviços. De acordo com o presidente da entidade, Jarbas Nogueira, o setor deve manter o mesmo ritmo no segundo semestre de 2011 e mais 60 mil novas vagas devem surgir em todo o país. ?Os Estados da região Sudeste, especialmente São Paulo e Rio de Janeiro, são os principais empregadores. Mas nas regiões Sul e Nordeste as oportunidades estão aumentando cada vez mais?, diz o presidente da ABT.
 
A demanda gerada pelas festas de fim de ano (Natal e Réveillon) somada ao incremento das operações de recuperação de crédito são apontadas pela ABT como os principais motivos para as empresas de call center continuarem contratando.
 
Boa parte da mão-de-obra é formada por jovens entre 18 e 24 anos, sem a necessidade de experiência anterior. Eles recebem treinamento, cursos de capacitação e acompanhamento de superiores no início dos trabalhos. As mulheres também se destacam, representando quase 80% dos teleatendentes. De uns tempos para cá, o setor também passou a contratar um número maior de profissionais mais experientes, acima dos 40 anos. Geralmente são pessoas que ficaram afastadas por algum tempo do mercado de trabalho e que encontram no setor uma oportunidade de retornar.
 
Confira algumas características do setor:
 
? Os principais setores contratantes de call center são os de serviços financeiros, varejo, telecomunicações, seguros, saúde e editora/gráfica;
 
? Cerca de 65% das empresas estão no eixo São Paulo ? Rio de Janeiro;
 
? A região sul também já apresenta significativa participação (5%) e a região nordeste começa a se destacar como o mais novo polo de call center;
 
? A grande maioria dos atendentes é composta por mulheres (aproximadamente 80%);
 
? Cerca de 45% do total de empregados são jovens em seu primeiro emprego;
 
?  Do total de atendentes, 74% possuem o 2º grau. 26%, curso superior.

 
 
 
Fonte: Convergencia Digital

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar