Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

GOOGLE+ TAMBÉM MIRA MICROSOFT E MERCADO CORPORATIVO

30/06/2011

O novos recursos de rede social da Google foram lançados há apenas um dia, mas os analistas já estão imaginando quanto tempo levará para que o Projeto Google+ amplie seu foco também para as empresas.

Na terça, 28, a gigante de buscas lançou seu serviço Projeto Google+, que é claramente uma resposta ao Facebook, maior rede social do mundo e um concorrente cada vez mais sério da Google.

Mas os analistas afirmam que a Google não gastou tanto dinheiro e esforço para criar recursos de rede social apenas para competir com o Facebook, que, com mais de 500 milhões de usuários, está bem à frente da corrida.

A Google certamente adoraria abocanhar uma parte da base de usuários do Facebook, mas a companhia também enxerga o Google+ como um importante caminho para o lucrativo mercado corporativo em que duela com a Microsoft.

?Todos sabemos que uma hora o que vemos aqui (Google+) encontrará seu caminho para as empresas?, disse Brad Shimmin, analista da CurrentAnalysis. ?Não vejo essa ação apenas como uma competição com o Facebook, mas como outro movimento em direção às empresas. Isso é necessário para eles realmente possam competir no mercado corporativo.?

Vale lembrar que a companhia já vem tentando entrar nas empresas com seu pacote de aplicativos corporativos Google Apps. Apesar de ter atingido sucesso inicialmente, a empresa agora enfrenta uma competição cada vez maior da Microsoft, que lançou oficialmente nesta semana seu pacote baseado na nuvem Office 365.

Agora, de acordo com Shimmin, a Google pode usar seus serviços sociais ? com algumas mudanças corporativas ? como uma plataforma de colaboração.

?Um grande ponto negativo do Google Apps tem sido a falta de uma experiência social unificadora?, afirma. ?Eles tinham algumas ferramentas sociais dentro de produtos diferentes, mas eles não tinham nada para meio que trazer tudo junto. Esse é um passo muito necessário e atrasado.?

Já o analista da Technology Business Research, Ezra Gottheil, afirma que faz todo sentido para a empresa trabalhar o Google+ em um futuro próximo e redirecioná-lo para o mercado corporativo.

As empresas estão cada vez mais buscando por maneiras ?sociais? para tornar seus funcionários mais produtivos, e esse projeto preencheria essa lacuna, diz.

O recurso Círculo do Google+ permitiria que as pessoas se comunicassem de maneira mais fácil e compartilhassem documentos com diferentes grupos de trabalho ou equipes de projetos, por exemplo. Já a ferramenta Hangouts traz a possibilidade de se realizar videoconferências com vários funcionários localizados em diferentes partes do mundo.

?O Google+ provavelmente pode usar uma abordagem mais corporativa, mas eu consigo ver isso funcionando?, disse Gottheil. ?Seria uma recriação da marca dar a ele uma interface mais série e incorporá-lo ao Google Apps.?

E o analista completa afirmando que o projeto poderia ser uma grande ameaça para a Microsoft e suas próprias tentativas de oferecer produtos baseados na nuvem para o mercado corporativo.

?O Google Apps é um bom rival para a Microsoft, mas adicionar uma adaptação do Google+ ao Google Apps, deixaria a briga muito mais complicada?, explica Gottheil.

Isso significa que com um movimento a Google atacou seus dois principais rivais ? Facebook e Microsoft.
 
 
 
 
Fonte: CIO

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar