Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

OPERA LANÇA FERRAMENTA DE DESENVOLVIMENTO WEB PARA CELULAR E PC

06/05/2011

A Opera Software acaba de lançar o Dragonfly (libélula, em português), uma ferramenta de desenvolvimento e depuração que funciona de forma integrada em seus browsers, anunciou a empresa nesta quinta-feira (5/5).

A ferramenta funciona com o navegador Opera em várias plataformas, tanto na versão Opera Mobile para smartphones e tablets como nas versões para desktops.

A empresa norueguesa recomenda que se use a versão mais recente do navegador, mas todas as versões do Opera a partir da 9.5 são aceitas. Usuários de iPhone e iPad estão sem sorte, já que o Opera Mobile não está disponível para o smartphone da Apple e o Dragonfly é incompatível com o Opera Mini. Mas donos de desktops e laptops Mac são bem-vindos.

Recursos
Com o Dragonfly, os desenvolvedores podem examinar na horas mudanças de fonte e estilo. Podem, ainda, depurar Scalable Vector Graphics (SVG) ou scripts Java. Ferramentas de escolha de cor (color picking) permitem a combinação de cores, que podem ser salvas em uma paleta para uso futuro.

O Dragonfly também permite aos desenvolvedores ficar de olho em carga da rede, recursos e armazenamento. Ele mostra como os itens carregam, como os cookies e o Web Storage do HTML5 funcionam, e como a combinação de diferentes recursos, como imagens e vídeos, afetam o desempenho e a compatibilidade de um site.

Para começar a usar o Dragonfly, os usuários devem clicar na página web com o botão direito e selecionar Inspect Element, de acordo com a Opera.

Por padrão, o Opera Dragonfly é colocado no rodapé da janela do browser. No entanto, desenvolvedores com um segundo monitor (ou um monitor grande) podem usar o modo destacado, que permite colocar o código em qualquer lugar da tela ou ser movido para outro monitor.

Híbrido
O Dragonfly é um exemplo do que a Opera chama de aplicação híbrida. Isso significa que o usuário nunca terá de atualizá-lo; a última versão será sempre extraída da web, de acordo com a empresa. Além disso, a ferramenta sempre será compatível com a versão atual do Opera, afirmou.

O Opera não é o único navegador a oferecer ferramentas integradas de desenvolvimento. Entre as outras opções estão o Firebug para Firefox e o Developer Tools para o Google Chrome.

Para desenvolvedores que querem mais informações sobre o Dragonfly, a Opera publicou um Field Guide em seu site.
 
 
 
 
Fonte: IdgNow

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar