Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

INVESTIDORES FOCAM PRESIDENTE À ESPERA DE RESULTADO DO GOOGLE

13/04/2011

A atenção de investidores vai incidir diretamente sobre o novo presidente-executivo do Google, Larry Page, ofuscando os resultados do primeiro trimestre, que não devem impressionar, a serem divulgados pela companhia na quinta-feira.

Menos de duas semanas após o co-fundador do Google assumir o cargo de presidente-executivo, investidores já estão ansiosos por mais detalhes sobre os planos e estratégias da companhia, uma vez que a gigante das buscas enfrenta forte concorrência do Facebook e da Apple e investigações crescentes de órgãos reguladores.

O desempenho de Page na teleconferência trimestral com analistas na quinta-feira, com suas visões sobre gastos e competição, será acompanhado de perto por investidores e analistas --se o executivo de 38 anos, avesso à mídia, aparecer.

Até agora, porém, o Google manteve sigilo sobre a participação ou não de Page na teleconferência trimestral. Embora a lista de presidentes-executivos de empresas de tecnologia que não participam de teleconferências inclua Steve Ballmer, da Microsoft, e Steve Jobs, da Apple, alguns analistas e investidores veriam a ausência de Page na primeira teleconferência de seu mandato como o envio de um sinal negativo à Wall Street.

As ações do Google acumulam queda de 9 por cento desde o anúncio, em janeiro, de que Page substituiria Eric Schmidt, que ficou na presidência-executiva da empresa na década passada.

Page rapidamente tomou decisões para simplificar a burocracia nos altos escalões do Google durante seus primeiros dias no posto, mas investidores estão ansiosos para ver como a mudança administrativa pode afetar a companhia.

"O que afeta a ação? Incerteza. Se ele não eliminar a incerteza, haverá outra desvalorização (das ações)", afirmou o analista Ben Schachter, da Macquarie Research.

Analistas estimam que o Google, que superou as expectativas de receita nos últimos seis trimestres, eleve sua receita em 25 por cento no primeiro trimestre na comparação anual, para 6,32 bilhões de dólares, de acordo com a Thomson Reuters I/B/E/S. O lucro ajustado por ação deve ficar em 8,11 dólares, segundo a média das projeções de analistas.

O Google divulgará seu resultado trimestral no dia 14 após o fechamento do mercado.
 
 
 
 
Fonte: Uol

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar