Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

JUSTIÇA APROVA EXTRADIÇÃO DE FUNDADOR DO WIKILEAKS

25/02/2011

A justiça britânica decidiu, nesta quinta-feira (24/2), que o fundador do Wikileaks, o australiano Julian Assange, deve ser extraditado para a Suécia, onde será julgado por quatro supostos crimes sexuais. Assange, no entanto, tem sete dias para recorrer à decisão.

Por conta das acusações de crimes sexuais, Assange foi preso em Londres, em dezembro de 2010. Após pagar uma fiança, ele permaneceu na Inglaterra, desde então. No início deste mês, Geoffrey Robertson, que atua na defesa do fundador do WikiLeaks, explicou que se seu cliente for enviado à Suécia terá um julgamento injusto e tende a ser extraditado para os Estados Unidos. O que, segundo Robertson, pode representar até mesmo uma pena de morte para Assange, que divulgou documentos secretos do governo norte-americano.
 
 
Fonte: Olhar Digital

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar