Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

MICROSOFT INVESTIRÁ ´BILHÕES´ NO ACORDO COM A NOKIA, DIZ CEO

15/02/2011 01:00:00

O valor investido pela Microsoft para realizar a parceria com a Nokia não é medido em milhões mais sim em bilhões, segundo o atual do CEO da Nokia, Stephen Elop. A declaração foi feita durante entrevista coletiva, no último domingo (13/2), antes da aberta oficial do evento Mobile World Congress, em Barcelona.

O executivo também aproveitou o momento para desmentir os rumores de que tinha sido enviado, propositalmente, pela Microsoft para assumir o comando da Nokia e ajudar a fabricante do Windows a realizar o negócio. "Eu não sou um cavalo de Tróia", disse ele. "Toda a equipe administrativa e o conselho da Nokia foram contatados durante o processo de decisão. Todos estão de acordo com a aposta no Windows Phone 7?, declarou Elop.

Já a vice-presidente sênior de marketing da Nokia, Jo Harlow, também presente ao evento, disse que pretende lançar os primeiros aparelhos com Windows Phone 7 ainda em 2011 e mostrou a foto de um protótipo de como seria o primeiro celular Nokia rodando a plataforma da Microsoft. 

Até o momento, nenhuma das empresas forneceu mais detalhes sobre o acordo.

Android

Segundo Elop, antes de fechar o acordo com a Microsoft, a Nokia foi "disputada? também pela Microsoft, que via "um valor significativo" na decisão da Nokia de talvez utilizar o sistema Android.

"Se fosse combinada a atual participação de mercado do Android com a quota da Nokia, nos próximos dois anos, você teria uma grande quantidade de aparelhos com a plataforma da Google. A partir daí, é possível acreditar que a indústria de telefonia móvel se tornaria um duopólio", comentou o executivo. ?O mercado seria basicamente dividido entre Android e Apple?.

?Então, a Nokia optou pela Microsoft porque a escolha criará uma dinâmica diferente no mercado. Assim, estamos criando uma corrida de três cavalos", analisou ele, não considerando o impacto da plataforma BlackBerry no mercado.

A Nokia reiterou que pretende continuar a apoiar os desenvolvedores de aplicativos para Symbian, uma vez que existe uma grande base de celulares existentes com a plataforma. Segundo o executivo, a empresa espera realizar uma transição tranquila entre Symbian e Windows Phone 7.
 
 
 
Fonte: IdgNow

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar