Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

CORTE DA INTERNET NO EGITO CUSTOU US$ 90 MILHÕES À ECONOMIA DO PAÍS

04/02/2011 01:00:00

O bloqueio de internet no Egito custou a economia do país, pelo menos, 90 milhões dólares, declarou a Organização de Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OECD na sigla em inglês), nesta quinta-feira (3/2).

Segundo a organização, os serviços de telecomunicações e Internet representam entre 3% e 4% do Produto Interno Bruto (PIB) do Egito, com uma perda diária de aproximadamente 18 milhões de dólares.

Os serviços de Internet no Egito retornaram a normalidade ontem (2/2), mas o prejuízo ao país pode aumentar, já que a ação interferiu também nas ligações entre empresas nacionais e internacionais de alta tecnologia e o resto do mundo. Como resultado, a OCDE comentou que o país, no futuro, pode encontrar "muito mais dificuldade para atrair empresas estrangeiras e conseguir garantir que o acesso às redes será estabelecido de forma confiável". 
 
As grandes operadoras nacionais pararam de oferecer acesso à web após a meia noite, hora local, da última sexta-feira (28/1), quando os protestos contra o governo do presidente Hosni Mubarak ganharam força nas ruas do Cairo.

Em poucos minutos a quantidade de tráfego de Internet entre o Egito e o resto do mundo foi reduzido a praticamente zero, segundo um monitoramento realizado pela Arbor Networks.

"Nunca vimos um país tão conectado como o Egito perder completamente a conectividade com a Internet por um período tão longo?, disse o cientista-chefe da Arbor Networks, Craig Labovitz, no blog da empresa de segurança.

"Atualmente, os governos dos países tecnicamente desenvolvidos não podem interromper os serviços de telecomunicacão sem sofrer significativas pressões políticas, econômicas e sociais", finalizou Labovitz.
 
 
 
Fonte: IDgNow

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar