Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

O QUE ESPERAR DO WINDOWS 8? UM SISTEMA REALMENTE MULTIPLATAFORMA

02/02/2011 01:00:00

Apenas a Microsoft sabe como será o nome e o visual da próxima versão do Windows. Mas grandes mudanças podem aparecer no sistema, que está sendo chamado de ?Windows 8? por especialistas.

Durante a CES 2011 (Consumer Electronics Show), realizada no início do mês em Las Vegas, a fabricante anunciou que o Windows 8 terá suporte a "sistemas em um chip" baseados na arquitetura ARM, como os processadores Snapdragon, da Qualcomm, OMAP, da Texas Instruments e Tegra, da NVIDIA. Ao contrário da arquitetura x86 usada atualmente em notebooks e destkops, os chips baseados na arquitetura ARM consomem menos energia, produzem menos calor e por isso são ideais para aparelhos portáteis, como tablets e smartphones.

Em sua palestra realizada durante o evento o CEO da Microsoft, Steve Ballmer, disse que ?esse é o anúncio de uma nova categoria de aparelhos e novos fabricantes de chips para sistemas Windows, para habilitar a maior gama possível de formatos para o mercado.?

Em outras palavras, o Windows não ficará mais restrito apenas a note/netbooks e desktops.

Os fatos
O anúncio da Microsoft sobre processadores ARM representa o único detalhe divulgado oficialmente sobre o Windows 8. A companhia nomeou as fabricantes Nvidia, Qualcomm e Texas Instruments como parceiras na produção de chips, de forma que é provável que os aparelhos com Windows sejam construídos com base nas plataformas destas três empresas.

Em uma conferência sobre arquitetura de processadores realizada em Londes no ano passado, a Microsoft encorajou a ideia de virtualizar mais o Windows, possivelmente armazenando programas, dados, configurações e partes do próprio sistema na "nuvem".

Rumores
Nenhum rumor sobre o Windows 8 é mais preciso do que uma série de slides vazados que supostamente detalham a "planta" (blueprint) do próximo sistema operacional da Microsoft. Os slides em si não indicam recursos finais do Windows 8, mas mostram qual a direção que a empresa prende seguir, e outros relatos confirmam essa direção.

Um dos slides, por exemplo, fala sobre um sistema operacional que ?segue? os usuários aonde quer que eles estejam. Em vez de ficarem presos ao hardware, os usuários podem ?passear? entre desktops, note/netbooks e tablets da maneira que acharem mais conveniente.

Outra imagem fala sobre um botão de reset que preserva programas e configurações enquanto limpa vírus e outros incômodos. Alguns especialistas de mercado sugerem que o armazenamento de aplicativos e dados na nuvem pode tornar possível esse recurso.

Já quanto ao objetivo da Microsoft de inicialização quase instantânea (?instant on?), o blogueiro Manan Kakkar encontrou uma patente da fabricante para usar um método de virtualização que visa dividir o sistema em um sistema "geral" e "aplicativos" otimizados para tablets ou TVs. Estes, explica Kakkar, poderiam ser inicializados instantaneamente, mesmo que o sistema geral leve 30 segundos para carregar.

Como a Microsoft chegará nessas versões leves de seu sistema operacional? Um rumor circulado pelo jornalista Paul Thurrott sinaliza que o Windows 8 apresentará uma interface baseada em painéis chamada ?Mosh?, que poderá servir como uma interface alternativa em tablets e outros aparelhos touchscreen com menor poder de processamento.

Também ouvimos rumores sobre uma nova estrutura de desenvolvimento de aplicativos com o nome código ?Jupiter?, cujo objetivo é ajudar os desenvolvedores a criar programas dinâmicos, de visual interessante e imersivos para uma futura loja de aplicativos do Windows. Isso também pode ser uma tentativa de permitir que os desenvolvedores criem apps que funcionem tanto em processadores baseados na arquitetura x86 quanto em ARM, sem um trabalho extensivo de recompilação e reprogramação.

Especulação
Se você duvida que o Windows 8 realmente trará mudanças profundas em relação às versões anteriores, considere esse texto que apareceu rapidamente em um blog de um desenvolvedor da Microsoft em 2009:

?O mínimo que as pessoas podem esperar é que a próxima versão será algo completamente diferente do que elas estão acostumadas no Windows...Os temas que foram discutidos realmente refletem o que as pessoas vem esperando há anos e irão mudar a maneira como elas vêem e usam os PCs. É o futuro dos PCs.?

A Microsoft rapidamente retirou o blog do ar, como que para apagar a evidência. Será que a empresa está realmente tentando chacoalhar as coisas com o novo Windows? Nos diga nos comentários abaixo.

Em tempo, um último rumor. A empresa estaria planejando o lançamento do Windows 8 para o próximo ano.
 
 
 
Fonte: CIO

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar