Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

APREENSÃO DE CDS PIRATAS NO BRASIL CRESCE 42% EM 2010

11/01/2011 01:00:00

As autoridades brasileiras apreenderam 1,6 milhão de CDs piratas no país em 2010, segundo balanço da Abes (Associação Brasileira das Empresas de Software) em conjunto com a ESA (Entertainment Software Association).

O número representa um crescimento de 42% em relação a quantidade recolhida em 2009.
 

De acordo com o levantamento, cresceu também o número de ações em centros comerciais do país para combater a pirataria. As 730 operações feitas em 2010 representaram alta de 10% na comparação com o ano anterior.

A venda virtual de CDs piratas também foi alvo do esforço das autoridades. Segundo dados das associações, 345 endereços virtuais foram foram tirados do ar, valor 10% superior ao registrado em 2009. As associações também contaram a desativação de 17,7 mil anúncios virtuais para venda dos produtos piratas.

POTENCIAL

De acordo com estudo da consultoria IDC (International Data Corporation), a indústria de softwares e serviços pode incorporar cerca de US$ 4 bilhões (cerca de R$ 7 bilhões) no faturamento nos próximos quatro anos se o o país conseguir reduzir em dez pontos percentuais o índice de pirataria no mercado local.

O estudo indica que 74% da receita adicional gerada seria destinada para a economia nacional e representaria 12 mil novos empregos. O ganho tributário seria de US$ 888 milhões. Segundo o último levantamento da consultoria, o índice de pirataria registrado no Brasil em 2009 foi de 56% e representou um impacto negativo de US$ 2,2 bilhões.

No mesmo ano, o mercado de softwares e serviços nacional movimentou US$ 15,3 bilhões, ocupando a 12º posição da receita mundial de US$ 880 bilhões. Os gastos no setor crescem com velocidade 60% superior aos desembolsos totais na economia.
 
 
 
Fonte: Folha

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar