Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

NEXTEL INVESTIRÁ R$ 4,5 BILHÕES NO BRASIL PARA CRESCER EM 3G

15/12/2010 01:00:00

 

A Nextel investirá cerca de 4,5 bilhões de reais no Brasil nos próximos cinco anos para ampliar sua operação e crescer em 3G. O anúncio foi feito pelo presidente da operadora Sergio Borges Chaia, após a empresa ter arrematado 11 dos 13 lotes da banda H no leilão da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), realizado na manhã desta terça-feira, 14/12.

De 2007 até 2010, a Nextel investiu no Brasil 2,8 bilhões de reais. O novo aporte de 4,5 bilhões de reais será aplicado entre 2011 e 2016. Parte desses recursos virá do próprio caixa da Nextel, que segundo Chaia, a operação está saudável, e o restante de financiamento com bancos.

Somente para pagar as licenças adquiridas hoje, a companhia desembolsará mais de R$ 1 bilhão. Entretanto, a empresa informa que tem esse montante em caixa, pois vem há muito tempo se planejando para explorar 3G e que esses gastos estavam previstos em seu plano de negócios. A operadora entrou no leilão disposta a levar os 13 lotes da banda H, mas abriu mão de dois por causa da competição com outras prestadoras de serviços.

"Tínhamos um plano de negócios para cada lote com o preço máximo que podíamos pagar. No momento em que os valores ficaram acima do que haviamos planejado, decidimos que não valia a pena", relata Chaia. Os lotes que a operadora não levou foram adquiridos com ágio pela CTBC Celular e Oi.  

O CEO da Nextel disse que com a entrada em 3G, a empresa dobrará o potencial de crescimento no Brasil porque passa a ser uma operadora nacional.A Nextel terá uma rede com capacidade para alcançar uma população de 182,4 milhões de brasileiros, o que representa 90% do Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil.

Com a compra das novas licenças, a Nextel será a primeira operadora brasileira a oferecer 3G por meio da tecnologia High Performance Push-to-Talk (HPPT), ou seja, entregará internet móvel por meio de rádio. Atualmente, a Nextel opera com rede baseada em Integrated Dispatch Enhanced Network (iDEN) e o plano da empresa é manter pelo menos cinco anos as duas plataformas.

A Nextel não estabeleceu a data de lançamento da oferta 3G, mas começa a partir de agora a contagem repressiva para entrega dessa oferta. Será elaborado um plano de 100 dias para contratação de pessoal e fazer as licitações para a construção da rede.

Banda larga móvel com qualidade

Por chegar por último, Chaia informa que a Nextel tem obrigação de entregar banda larga móvel de boa qualidade. É nesse quesito que a operadora pretende se diferenciar no mercado. 

O executivo argumenta que a Nextel é a operadora que tem a maior satisfação dos clientes, que ele chama de membros, e que são tão fiéis que a média de tempo de contratação dos serviços gira em torno de 8 anos. Com 3G, ele promete não decepcionar os usuários.

A Nextel participou do leilão 3G em 2007 e perdeu a oportunidade de entrar nesse mercado. De lá para cá, segundo Chaia, a operadora vem estudando esse serviço e analisando o comportamento dos usuários para saber como atender melhor que as concorrentes.

O executivo não quis revelar informações sobre planos 3G que serão ofertados pela Nextel, mas adiantou que a operadora terá pacotes para diversos públicos. Haverá pacotes para pessoa física e operadora poderá entrar na área de pré-pago, deixando de ser uma prestadora de serviços apenas para clientes pós-pago

Lotes
Área(s) de Prestação
Preço Mínimo (R$)
Lance vencedor (R$)
Ágio
1
RJ, ES, BA e SE
316.966.638,63
342.323.969,72
8%
2
PR, RO, RS, SC,MS, MT, GO, TO, AC e DF
300.238.373,84
324.317.443,75
8%
3
SP Capital, AM, AP, MA, PA, RR
175.746.842,43
189.806.589,82
8%
4
SP Interior, AL, CE, PB, PE, PI, RN
150.027.351,41
162.029.539,52
8%
6
Região de Uberlândia
10.320.553,68
17.640.000,00
70,92%
7
Região de Campo Grande
16.256.362,17
16.256.363,07
0%
9
Região de Ribeirão Preto (SP)
29.350.356,42
50.000.000,00
70,36%
10
Região de Franca (SP)
5.891.943,11
18.000.000,00
205,50%
11
Estado de Minas Gerais, excluídas as áreas de prestação VII e VIII
74.687.532,41
77.675.033,11
4%
12
Região de Apucarana (PR)
12.081.965,31
12.081.966,07
0%
13
Municípios de Londrina e Tamarana (PR)
4.421.578,24
4.421.579,07
0%

 
 
 
Fonte: Computerworld

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar