Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

TV POR ASSINATURA CRESCEU 21,4% EM 2010, DIZ ANATEL

27/10/2010 01:00:00

Os serviços de TV por Assinatura já atingem mais de nove milhões (9.073.817) de domicílios no Brasil, sendo distribuído para aproximadamente 30 milhões de pessoas no País. Isso representa um crescimento de 21,4% no ano e uma adição de pouco mais de 1,6 milhão de assinantes. As informações foram divulgadas pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

Segundo a entidade, o País acumulou 224.749 novos assinantes em setembro. O crescimento observado representa uma evolução de 2,5% em relação à base de assinantes do mês anterior. O crescimento percentual acumulado até o terceiro trimestre de 2010 já é superior aos verificados ao longo de todo ano de 2008 (18,18%) e 2009 (18,24%).

Serviços via satélite continuam crescendo

Os serviços de TV por Assinatura são prestados através de sinais codificados por meio de diferentes tecnologias: meios físicos (TV a Cabo - TVC), microondas (Distribuição de Sinais Multiponto Multicanais - MMDS) e satélite (Distribuição de Sinais de Televisão e de Áudio por Assinatura via Satélite - DTH).

Em setembro de 2010, os serviços prestados via satélite (DTH) cresceram 4,1% ante uma evolução de 4,3% no mês anterior. O número de assinantes que recebem os serviços via TV a Cabo (TVC) cresceu 1,5% em setembro; em agosto, era de 2,1%. As prestadoras de MMDS perderam, aproximadamente, 1,4% de sua base de assinantes no mesmo período. Em 2010, os serviços de DTH acumulam crescimento de 41,7%. No mesmo período, TVC obteve um crescimento acumulado de 11,4%.

Como consequência da contínua expansão dos serviços de DTH em relação às demais tecnologias, houve nova ampliação da participação dos serviços prestados via satélite no mercado de TV por Assinatura. Em janeiro de 2010, os serviços DTH representavam 37,4% do mercado nacional e os serviços prestados via TV a Cabo possuíam 57,9% de market share; ao fim de setembro de 2010, a participação do DTH atingiu 43,4% da base e os serviços a cabo passaram a atender 53% dos assinantes.

Norte e Nordeste mantêm crescimento

Seguindo uma tendência recente, as regiões Norte e Nordeste cresceram acima da média nacional nos últimos 12 meses. O menor crescimento, em igual período, foi observado na região Sul, acompanhada pelas regiões Centro-Oeste e Sudeste, com percentuais de crescimento anual abaixo da média nacional.

Consequentemente, as 10 Unidades da Federação que apresentaram maior crescimento percentual nos últimos 12 meses pertencem às regiões Norte e Nordeste. Neste contexto, vale destacar a Bahia, que, além de ocupar o sétimo lugar em crescimento anual, ficou em primeiro lugar entre as Unidades da Federação que mais cresceram em agosto de 2010, registrando aumento de 5,2% em relação ao número assinantes do mês anterior. Em setembro, a Bahia foi superada, em termos de crescimento relativo, apenas pelo Estado do Ceará, cujo crescimento foi de 5,28%.

A consolidação dos números mensais dos serviços de TV por Assinatura está disponível no portal da Anatel, na visão "Informações Técnicas", item "TV por Assinatura", "Consolidação dos Serviços de TV por Assinatura no Brasil". O "Panorama dos Serviços de TV por Assinatura".
 
 
 
Fonte: IDgNow

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar