Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

COM NOVO MÉTODO, MICROSOFT RESEARCH DESCOMPLICA CRIAÇÃO DE SENHAS SEGURAS

21/07/2010

Cansado das restrições impostas à criação de senhas seguras que desafiam a memória? Uma alternativa mais amigável - e bem mais fácil de lembrar - tem sido proposta pela Microsoft Research, braço de pesquisas da fabricante do Windows. O segredo: limitar, estatisticamente, o uso de senhas populares, para diluir o risco de adivinhação e desestimular cibercriminosos.

A ideia ? proposta em artigo assinado pelos pesquisadores Stuart Schechter e Cormac Herley, da Microsoft Research, e Michael Mitzenmacher, da Universidade de Harvard ? consiste na criação de um software ?oráculo?, que seria consultado a cada momento de criação de senha. Uma senha muito utilizada seria barrada; por sua vez, uma palavra pouco utilizada, mesmo que fácil de lembrar, seria permitida.

No estudo, que será apresentado na conferência Hot Topics in Security 2010, em Washington DC, em 10 de agosto, os pesquisadores lembram que as senhas geradas por usuários são vítimas comuns de ataques de adivinhação estatística ? um método pelo qual o cibercriminoso testa senhas tendo como base um dicionário de palavras, classificadas por popularidade.

Normalmente, um site tenta se defender de ataques baseados em adivinhação de dois modos: 1) limitar o número de adivinhações que se pode fazer e 2) reduzir a fração de contas que usam as senhas mais populares. Este último caso tem sido reforçado pela aplicação de regras para criação de senhas ? as mais comuns exigem a combinação de letras e números, tamanho mínimo e uso de caracteres especiais, como "Ne$1o7".

 
 
 
Fonte: IdgNow

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar