Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

LOJA VIRTUAL PARA VENDA DO CELULAR DO GOOGLE DEIXARÁ DE FUNCIONAR

17/05/2010

O modelo de vendas propagado pelo Google para vender seu Nexus One deixará de existir. Em janeiro, quando lançou o smartphone em parceria com a HTC, a empresa disponibilizou um site onde os interessados poderiam comprar o aparelho com poucos cliques. No começo, esse era o único modo de adquirir o aparelho, desbloqueado ou junto a um plano de assinatura com alguma operadora.

Em um comunicado postado em seu blog, o engenheiro do Google, Andy Rubin, afirmou que a loja virtual do Nexus One simplesmente não funcionou tão bem quanto a corporação esperava:

?Quando lançamos o smartphone em janeiro, tínhamos duas metas principais: renovar o mercado de celulares inteligente e oferecer uma forma fácil e rápida de se comprar um aparelho com o sistema Android?.

Estratégia errada
Uma das críticas principais feitas à loja é a de que o consumidor prefere ter o produto em suas mãos antes de comprá-lo. Outro problema notado pelo próprio engenheiro é que os clientes queriam mais planos de assinatura para escolher.

"Quando arriscamos, alguns pontos dão mais certo que outros. Enquanto a adoção do Android como sistema operacional para celulares excedeu nossas expectativas, a loja virtual não obteve o mesmo sucesso. De qualquer forma, ela continuou sendo utilizada por uma porção de entusiastas?.

Recentemente, tanto a operadora Sprint quanto a Verizon desistiram de oferecer planos de dados específicos para o Nexus One, preferindo investir em outros dispositivos. Nos Estados Unidos, só a T-Mobile continua como parceira do Google nas vendas do aparelho. Há a opção de comprar o celular desbloqueado, mas o preço de 529 dólares é altíssimo para os padrões americanos.

Segundo Rubin, o Nexus One começará a ser vendido como qualquer outro aparelho nas lojas usuais. A partir do momento em que ele estiver disponível ao grande público, o site do Google deixará de vende-lo ? e se tornará algo como um mostruário de celulares com o sistema Android.
 
 
 
Fonte: IdGNow

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar