Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

GOOGLE ENTREGARÁ RELATÓRIO DE CENSURA AO MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL

06/05/2010

O Google Brasil disse que vai entregar até esta quinta-feira (6/5) ao Ministério Público Federal em São Paulo (MPF-SP) detalhes de uma pesquisa global sobre pedidos de remoção de conteúdos de seus serviços. De acordo com o levantamento realizado entre julho e dezembro de 2009, o Brasil foi o país que registrou o maior número de pedidos de remoção de conteúdos de serviços do Google.

De acordo com a página Government Requests, da Google, entre 1.º de julho e 31 de dezembro de 2009 a empresa recebeu 291 pedidos de remoção de dados, mais que a Alemanha (188) e a Índia (142). Em solicitação de informações, o Brasil também lidera o ranking, com 3.663 pedidos no 2.º semestre de 2009. Estados Unidos vêm em segundo, com 3.580, e Reino Unido aparece em terceiro com 1.166 pedidos.

Conforme explica o diretor de comunicação e assuntos públicos do Google Brasil, Carlos Felix Ximenez, o Ministério Público Federal questiona a pesquisa por apresentar um volume inferior de pedidos em relação a seus registros. "A ideia é mostrar todo tipo de informação que nos pedem e suas finalidades", afirma Ximenez. "Mas não consideramos pedofilia e pornografia infantil, conteúdos que somos automaticamente obrigados a retirar", explica Ximenes.

O porta-voz esclarece que o ofício enviado pelo MPF-SP estipulou um prazo de 72 horas para que o Google Brasil enviasse os detalhes da pesquisa. A data final, considerando o recebimento do pedido protocolado pelos advogados, é nesta quinta-feira (6/5), informa.

O Google Brasil disse que vai entregar até esta quinta-feira (6/5) ao Ministério Público Federal em São Paulo (MPF-SP) detalhes de uma pesquisa global sobre pedidos de remoção de conteúdos de seus serviços. De acordo com o levantamento realizado entre julho e dezembro de 2009, o Brasil foi o país que registrou o maior número de pedidos de remoção de conteúdos de serviços do Google.

De acordo com a página Government Requests, da Google, entre 1.º de julho e 31 de dezembro de 2009 a empresa recebeu 291 pedidos de remoção de dados, mais que a Alemanha (188) e a Índia (142). Em solicitação de informações, o Brasil também lidera o ranking, com 3.663 pedidos no 2.º semestre de 2009. Estados Unidos vêm em segundo, com 3.580, e Reino Unido aparece em terceiro com 1.166 pedidos.

Conforme explica o diretor de comunicação e assuntos públicos do Google Brasil, Carlos Felix Ximenez, o Ministério Público Federal questiona a pesquisa por apresentar um volume inferior de pedidos em relação a seus registros. "A ideia é mostrar todo tipo de informação que nos pedem e suas finalidades", afirma Ximenez. "Mas não consideramos pedofilia e pornografia infantil, conteúdos que somos automaticamente obrigados a retirar", explica Ximenes.

O porta-voz esclarece que o ofício enviado pelo MPF-SP estipulou um prazo de 72 horas para que o Google Brasil enviasse os detalhes da pesquisa. A data final, considerando o recebimento do pedido protocolado pelos advogados, é nesta quinta-feira (6/5), informa.
 
 
 
Fonte: IDgNow

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar