Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

NING DECIDE ACABAR COM SERVIÇO GRÁTIS

21/04/2010

A Ning, startup que mantém um serviço de hospedagem de redes sociais - e que teve o criador da Netscape, Marc Andreessen, como seu cofundador -, anunciou planos de cortar o uso gratuito e demitir cerca de 40% dos funcionários, informou nesta segunda-feira (19/4) o jornal Wall Street Journal.

Em comunicado enviado por e-mail aos funcionários, e que depois foi publicado no blog da empresa, o CEO Jason Rosenthal, avisa que a Ning vai mudar sua estratégia para devotar 100% dos recursos para construir um produto vencedor e que desativará o serviço gratuito. As redes gratuitas existentes terão a oportunidade de conversão para os serviços premium pagos, ou sair da Ning, acrescentou.

No mesmo e-mail, Rosenthal - que assumiu o cargo de CEO há pouco mais de um mês, depois da saída de Gina Bianchini - revela que o número de funcionários será reduzido de 167 para 98 pessoas. É algo difícil de fazer, mas estou confiante de que é a decisão certa para nossa companhia, nosso negócio e nossos clientes, acrescentou.

Ao jornal, Rosenthal disse que a principal razão para a mudança é que as redes pagas - 5% do total - respondem por cerca de 80% da receita da empresa. O CEO citou outra motivação: a de combater abusos, como a do uso das redes para spam ou para pornografia. A empresa alega que as atividades ilegais são praticadas por usuários dos serviços gratuitos.
 
 
 
 
Fonte: IdgNow

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar