Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

NASA APRESENTA PLANOS PARA REFORMULAR PROGRAMA ESPACIAL DOS EUA

09/04/2010

A Nasa apresentou nesta quinta-feira seus planos para reformular o programa espacial dos Estados Unidos, focando inicialmente no desenvolvimento da tecnologia necessária para enviar astronautas a Marte.

Outras metas são as de promover o desenvolvimento de um "táxi espacial" comercial e de cercar o planeta com satélites para monitorar a mudança climática.

A Nasa irá desativar neste ano os seus ônibus espaciais, o que deve significar o fechamento de milhares de postos de trabalho ligados ao programa espacial.

Funcionários da agência disseram que as atividades do novo programa vão se espalhar pelas dez unidades da Nasa, sendo que o Centro Espacial Johnson, em Houston, será responsável por um programa de cinco anos, ao custo de 6 bilhões de dólares, para supervisionar demonstrações tecnológicas.

Já o Centro Espacial Kennedy, da Flórida, ficará encarregado de outro programa de cinco anos, este no valor de 5,8 bilhões de dólares, para ajudar empresas privadas a desenvolverem serviços de transporte orbital.

As unidades de Maryland, Califórnia e Ohio vão gerir uma campanha ampliada de observação da Terra para monitorar a mudança climática.

"Este é o primeiro passo, identificar programas que serão financiados por este orçamento", disse o administrador da Nasa, Charlie Bolden, durante teleconferência com jornalistas.

O presidente Barack Obama propõe acrescentar 2 bilhões de dólares ao orçamento anual de 18 bilhões de dólares da Nasa para o ano fiscal que começa em 1o de outubro, um aumento que Bolden disse que resultará em mais empregos.

"Estamos ampliando a quantidade de programas que temos, para que possamos tentar colocar para trabalhar mais pessoas que estejam interessadas em fazer parte do programa espacial", disse Bolden.

"Seremos capazes de empregar todo mundo que trabalhava nos ônibus? Não, não seremos, mas essa nunca foi uma visão. Uma preocupação muito séria e real para todo mundo são os empregos, mas isso é o que chamamos progresso. Infelizmente, se você olhar para cada área da tecnologia neste país, sempre que se avança há cada vez menos trabalhos do tipo manual."

A Nasa irá aposentar neste ano seus três ônibus espaciais devido a razões de custo e segurança. Antes disso, haverá mais três missões para concluir a construção da Estação Espacial Internacional, um projeto de 100 bilhões de dólares e 16 nações, em obras desde 1998.

O novo programa espacial dos EUA prorroga a vida da estação espacial pelo menos até 2020.

O orçamento de Obama também cancela uma iniciativa de exploração espacial da era Bush, chamada Constellation, cujo objetivo era levar astronautas de volta à Lua até 2020.

Uma revisão independente concluiu que esse programa de 108 bilhões de dólares sofria de uma grave carência orçamentária, sem chances de alcançar suas metas.

Elementos do Constellation devem ser incorporados nos novos programas, inclusive o desenvolvimento de foguetes capazes de levar pessoas, robôs e cargas para asteroides, para Marte e para outros destinos do Sistema Solar, disse Bolden.
 
 
 
Fonte: Uol

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar