Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

GUERRA DOS SERVIDORES: DELL, HP, IBM BATALHAM POR DATACENTERS

30/03/2010

A Inforworld/EUA testou servidores blade da Dell, HP, IBM ? todos com suporte ao mais recente processador Xeon 5600 (Westmere) ? antes mesmo do lançamento oficial pela Intel. O resultado: os benchmarks mostram que o novo chip leva os blades a um novo nível.

A equipe construiu loops de monitoramento de força personalizados e utilizou um chassi da Supermicro para obter o máximo desempenho. Veja a seguir como como foi realizado o teste e o desempenho das máquinas:

Plano de teste
O plano inclui uma série de testes VMware e várias simulações de situações reais. Os testes foram compostos de uma única aplicação LAMP em grande escala ? um balanceador rodando Nginx, quatro servidores web Apache e dois servidores MySQL -  distribuído com recursos vCPU e RAM suficientes para sobrescrever as CPUs físicas e lógicas em cada blade.

A carga de trabalho foi desenvolvida para simular um modelo de uso de aplicação web real, com uma mixagem de conteúdo estático e dinâmico e com atualizações de bancos de dados, inserts e deletes aleatórios. Essa carga foi gerada em níveis de simultaneidade específicos, começando com 50 conexões simultâneas e aumentando para 200.

O ponto ideal em todos os blades era a marca de 150, então utilizamos esses números para os resultados publicados. Os testse VMware foram executados primeiro em um e depois entre dois blades, que rodavam o VMware ESX 4 e foram controlados por uma instância dedicada vCenter.

Os outros testes reais foram uma série de tarefas comuns rodando simultaneamente em níveis que equivalem e excedem a quantidade de CPUs lógicas em cada blade, chegando a até oito vezes a sobrescrita (overscription) de núcleos físicos.

As tarefas incluem conversões LAME MP3 de arquivos 155MB WAV, conversões de vídeo de arquivos MP4 para FLV de 155MB, análises de compressão gzip e bzip2 e testes com o benchmark MD5. Estes representam uma boa imagem de cargas reais e provaram ser marcadores consistentes no desempenho geral dos blades.

Além destes testes, alguns benchmarks foram usados com as ferramentas IxChariot, da Ixia, para medir a transferência de rede entre blades no mesmo chassi. Essas avaliações foram baseados em algumas cargas comuns, incluindo testes de leitura iSCSI 32K e 256K, um pacote de carga blaster e uma carga BitTorrent P2P que mediu as taxas de conexões.

Westmere vs. Westmere
A Dell, HP e IBM puderam escolher qual CPU gostariam de enviar para o teste, mas todos chegaram com um Intel Westmere-EP X5670 2.93GHz e pelo menos 24GB de RAM em cada blade. A razão para os Westmeres é clara: seis núcleos vence quatro, e com esses chips batendo os Nehalem em desempenho, eles são os processadores de 64 bits mais rápidos do mundo no momento.

Em termos de armazenamento, a Dell equipou uma matriz EqualLogic PS6010XV 10G iSCSI SAN, enquanto a HP optou por uma matriz EVA 2124 Fibre Channel, e a IBM também optou pelo Fibre Channel com um System Storage DS5020. Devido a questões de tempo e questões relacionadas aos meios de armazenamento, os testes de taxa de transferência SAN não foram conduzidos.

Os resultados dos testes de desempenho foram bem interessantes, e mostraram-se basicamente idênticos. Rodando os Westmere X5670s, as soluções blade da Dell, HP e IBM se saíram com a mesma margem de erro em todas as avaliações.

Os testes de simultaneidade segmentada mostraram que todos os blades operam lado-a-lado, com a IBM bem pouco à frente em termos de margens de precisão. Os testes de aplicação VMware LAMP também resultaram em empate estatístico, com a IBM chegando a 2,125, HP em 2,110 e Dell em 2,104 requisições por segundo, dando à IBM uma liderança de 0,7%. É suficiente para dizer que não há diferenças significantes no desempenho entre os três sistemas blade.

Todos os blades também se saíram de forma equivalente nos testes de taxas de transferência Ixia IxChariot. Isso mostra que nessa altura do campeonato todas as grandes fabricantes já se estabilizaram com o Intel Westmere.

A Dell também enviou um set de CPUs Westmere X5680 com 3.33GHz de velocidade. Com esses processadores, os resultados para os mesmos testes mostraram um aumento no desempenho de 12% em relação aos X5670s, refletindo um aumento de 400MHz por núcleo.

Conclusão
Não há mudanças significativas no desempenho entre os servidores blade das três empresas equipados com a mesma configuração. Seja qual for a escolha, está claro que os blades atuais estão mais do que prontos para executar recursos de virtualização e enfrentar quase qualquer outro desafio. Ao escolher um desses sistemas sobre um servidor comum 1U, há uma melhor disponibilidade, gerenciamento e custos muito menores de consumo e refrigeração.

Clique
aqui para ver uma tabela comparativa dos equipamentos.
 
 
 
 
Fonte: Computerworld

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar