Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

DEMITIDOS DA INFINITY WARD PROCESSAM ACTIVISION

08/03/2010

Os ex-chefes do estúdio Infinity Ward, criadora da franquia "Call of Duty", entraram com uma ação judicial contra a Activision, exigindo compensação de pelo menos US$ 36 milhões pelos danos causados.

A Activision havia demitido Jason West, ex-chefe de tecnologia, e Vince Lampella, presidente da Infinity Ward, na última segunda-feira (1º) sob alegação de insubordinação e quebra de contrato. Isso aconteceu algumas semanas antes do pagamentos dos bônus referentes a "Call of Duty: Modern Warfare 2", o game mais vendido de 2009.

"Ficamos chocados pela decisão da Activision em terminar nosso contrato", disse West. "Colocamos nossos corações e almas na companhia, construindo não apenas um estúdios de nível mundial, mas juntando uma equipe em que ficamos orgulhosos em trabalhar por quase uma década. Achamos que o trabalho que fizemos falam por si só".

Compromisso

Segundo o processo, a Activision e a dupla assinaram em 31 de março de 2008 uma carta de intenções. West e Zampella concordaram em prorrogar o contrato de trabalho para até outubro de 2011 e entregar "Modern Warfare 2" até 15 de novembro. Em compensação, a dupla teria poder de decisão - criativa e comercial - sobre a marca "Modern Warfare" (ou qualquer "Call of Duty" que se passe depois da Guerra do Vietnã).

A Infinity Ward também passaria a operar de forma independente depois de entregar "Modern Warfare 2" e trabalhar em novas propriedades intelectuais. Por fim, foram prometidos vários bônus adicionais, como royalties para qualquer "Call of Duty" lançados desde então.

O motivo para a demissão de West e Zampella, segundo o processo, veio de uma investigação para determinar quebra de contrato. Segundo o site G4, que diz ter obtido um memorando interno da Activision, a companhia procura por documentos acerca de projetos passados, presentes e futuros da Infinity Ward; provas sobre supostas abertura de um novo estúdio independente e comunicações da Infinity Ward com concorrentes, como a Electronic Arts.

Recentemente, a Activision anunciou uma nova divisão de negócios que cuidará apenas de "Call of Duty". Além disso, altos funcionários da companhia chefiarão a Infinity Ward interinamente.
 
 
 
Fonte: Uol

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar