Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

EM NOVA ONDA DE CONVITES, WAVE PODE TER CHEGADO A 1 MILHÃO DE USUÁRIOS

09/12/2009 01:00:00

Em resposta às demandas dos usuários do Wave, o Google decidiu estender nesta segunda-feira (7/12) o número de convites disponíveis para a ferramenta online de colaboração, que foi anunciada pela primeira vez em maio de 2009.

No comunicado, publicado
no blog do serviço, a empresa sugere já ter alcançado a marca de 1 milhão de convites distribuídos, isso apesar de oficialmente o Wave não ter sequer o status de beta ? atualmente, ele é oferecido na condição de pré-visualização (Preview).

Em setembro, para obter mais retorno dos testes, a empresa já havia decidido estender o Wave a 100 mil usuários.

O Google vem avaliando a experiência do usuário do Google Wave por meio de diversas pesquisas online. Alguns resultados já tinham sido antecipados em 27/11, no blog do serviço.

?A principal solicitação, de longe, tem sido a de mais convites para estender a onda a amigos e colegas?, escreveu à época o pesquisador de experiência do usuário, Aaron Cheang, no blog da empresa.

Formulário online
Neste último comunicado, assinado pelo gerente de produto Grim Iversen, a empresa anuncia ter ?aumentado a capacidade da nossa configuração de pré-visualização? e diz enviar convites a qualquer um que os solicitem, mediante o
preenchimento de um formulário online.

A empresa lembra, contudo, que se trata de um serviço ainda em modo ?preview? ? um termo que, no Google, identifica serviços que ainda não estão prontos para uso geral. Isso significa que o Wave está sujeito a panes e falhas, além de alguma lentidão e de uma interface que ainda não é a definitiva.

As pesquisas apontaram que as três características do Wave de que os usuários mais gostam são, na ordem, o conceito de onda, a possibilidade de colaborar com outros e a integração, num só lugar, de todas as comunicações e documentos.

Já a lista de problemas é liderada pela falta de acesso ao Wave por amigos e contatos, seguida da lentidão, dos travamentos e falhas e da impossibilidade de criar ondas em modo de leitura.
 
 
 
 
Fonte: IdgNow

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar