Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

APPLE E AT&T SÃO PROCESSADAS POR SERVIÇO DE MENSAGEM MULTIMÍDIA DO IPHONE

18/11/2009 01:00:00

Um usuário do iPhone processou sua fabricante, a Apple, e a operadora AT&T, que tem permissão exclusiva de venda do aparelho nos Estados Unidos, por ter se sentido frustrado pelas novidades prometidas (e não cumpridas) pela última versão do telefone celular.

O jornal "Daily News" publicou nesta terça-feira (17) que Francis Monticelli comprou o iPhone 3GS porque foi anunciado que o aparelho permitia o envio e recebimento de fotos e vídeos por meio de mensagens de texto.

Ng Han Guan -30.out.09/AP
Usuário do iPhone processou sua fabricante, a Apple e a operadora AT&T por ter se sentido frustrado com modelo 3GS
Usuário do iPhone processou sua fabricante, a Apple e a operadora AT&T por ter se sentido frustrado com multimídia do modelo 3GS

No entanto, quando Monticelli comprou o telefone, a opção do Serviço de Mensagens Multimídia (MMS) não estava disponível e, segundo o processo, a solução oferecida pela AT&T inicialmente foi pedir aos usuários que utilizem um computador para poder acessar as fotos e os vídeos.

As duas companhias afirmaram ainda que, quando o software fosse atualizado com a versão 3GS, o problema seria solucionado. Mas não foi o que aconteceu, segundo o processo. Ambas as companhias estavam cientes do problema.

"A opção de MMS foi uma das razões pelas quais as pessoas escolherem comprar o iPhone, apesar de ter ficado claro que a rede da AT&T não suporta este tipo de mensagem. Os milhões de compradores das versões 3G e 3GS de iPhone foram enganados", diz o processo, que não especifica a indenização requerida.

Monticelli apresentou o processo diante de um tribunal de Nova York esperando que outros usuários que tenham a mesma queixa se somem à sua reivindicação.

"Nossa experiência como clientes é compartilhada por outras pessoas, que poderiam ser milhares ou centenas de milhares", disse o advogado, Robert Brill, em declarações ao jornal nova-iorquino.
 
 
 
Fonte: Folha

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar