Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

RECORD É A GRANDE CAMPEÃ DE A FAZENDA

24/08/2009

Lucros na Roça

 

Um total de 85 dias, 21 marcas veiculadas na atração, cerca de R$ 130 milhões faturados apenas com as cotas principais de patrocínio e índices de audiência que garantiram, quase diariamente, o segundo lugar isolado no Ibope e a liderança em alguns momentos. Embora o vencedor do reality show A Fazenda - que será o ator e cantor Dado Dolabella ou a cantora Danni Carlos - só seja revelado no domingo, 23, já se sabe que quem faturou o grande prêmio foi a própria Rede Record.

O reality rural, que confinou 14 celebridades em uma fazenda na cidade paulista de Itu para disputar o prêmio de R$ 1 milhão, foi uma das principais apostas da emissora para este ano. Com grande campanha publicitária e divulgação em todas as atrações da grade da Record, o novo programa conseguiu conquistar o público e fazer com que a emissora já garantisse a sua segunda edição, que deverá entrar no ar em novembro.

O fato de ter como cenário um ambiente rural foi aproveitado pela Record como uma boa oportunidade para veiculação de ações diferenciadas de merchandising. De início, as marcas Kia, Ambev, Coca-Cola, Claro e Procter & Gamble já garantiram as cotas máster de patrocínio, pelo valor de tabela de R$ 26 milhões cada. A roça, entretanto, acabou ficando quase pequena para a quantidade de outras marcas que decidiram aproveitar a atração como vitrine.

Nos mais de dois meses de exibição, passaram por A Fazenda 16 anunciantes diferentes, que patrocinaram provas, festas e eliminatórias com ações diretamente ligadas à dinâmica do jogo. Entre brigas, comemorações, disputas e intrigas, as marcas Always, Ace-Ariel, Pantene, Prestobarba, Sucos Del Valle, Max Ração (Total Alimentos), Energético TNT, Taiff Produtos de Beleza, Maggi (Nestlé), Margarina Delícia (Bunge), Habib´s, Vick, Centrum, Duracell, Arroz Prato Fino e Vult Cosméticos desfilaram na telinha e colaboraram para aumentar as cifras da Record.

O reality mereceu até uma análise do Painel de Retenção de Merchandising, do Instituto Datafolha. No final de junho, cerca de 3,2 milhões de paulistanos afirmaram ter assistido ao programa pelo menos uma vez e apontaram as ações de Coca-Cola, Ace, Ariel, Always e Claro como aquelas que mais chamaram a atenção.

"Não foram simples ações de merchandising, mas sim verdadeiros ´cases´ de marketing. Muitas foram desenvolvidas exclusivamente para o programa e conseguiram ser inovadoras e de extrema eficiência do ponto de vista comercial", acredita o vice-presidente comercial da emissora, Walter Zagari. Sem revelar o faturamento total obtido com o reality show, o executivo aponta a experiência como um grande sucesso e garante a sua continuidade na grade da Record.

Com exibições diárias e edições especiais aos domingos (dia de eliminação), às terças-feiras (prova classificatória) e às quartas-feiras (escolha dos indicados à eliminação - o chamado Tá na Roça), A Fazenda garantiu a vice-liderança no Ibope, com média diária de 14 pontos, chegando a ter picos de 25 pontos e share de 23%. Esses dados foram computados pela TV Record até 11 de agosto. Para a semana de decisão, a expectativa é de que esses índices sejam mantidos.

No mesmo dia 11, inclusive, o programa bateu recorde de audiência, ficando em primeiro lugar, com 21 pontos no Ibope, durante toda a sua exibição (entre 23h e 0h10). Nas noites de domingo, quando um dos participantes deixava a disputa, a média da atração ficava em 16 pontos, com picos de 24. Os índices do reality show chamaram a atenção da concorrência, além do público espectador.

Nessa última quarta-feira, 19, quando foram definidos os dois finalistas da competição com a eliminação do participante Carlinhos, o reality show garantiu mais um recorde no Ibope. Durante o tempo em que ficou no ar, o programa atingiu uma média de 19 pontos de audiência, com picos de 25 e share de 29%.

Concorrência
Depois de oito anos, a Globo decidiu recolocar na telinha o reality No Limite, que voltou à grade de programação no dia 30 de julho. A tentativa de reação, entretanto, não conseguiu abalar a audiência de A Fazenda, que conseguiu manter sua média no Ibope mesmo nos dias em que No Limite é exibido (às quintas-feiras e aos domingos).

Para a segunda temporada de A Fazenda, a Record deverá manter a mesma dinâmica de jogo, com algumas novidades. A emissora ainda não decidiu se o programa ganhará cobertura de um canal de Tv por assinatura Pay Per View, tal como acontece com o Big Brother Brasil - o reality show de maior sucesso da TV Globo - ou se as 24 horas e programação do reality show ficarão hospedadas em um canal especial dentro do R7, o novo portal de notícias que a Record lançará no próximo mês de setembro.




Fonte: M&M Online
 
 

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar