Página Inicial



twitter

Facebook

  Notícia
|

 

GEEKS SÃO ESSENCIAIS NO COMBATE AO TERROR

04/08/2009

Um fluxo de jovens recrutas com fortes capacidades de computação e hábitos de pensamento forjados com ajuda da internet representa um teste geracional para agências de espionagem.

Desde que se integrem bem aos seus colegas mais velhos, a nova "geração digital" de espiões e analistas de inteligência na casa dos 20 anos vai reforçar o conhecimento ocidental sobre os grupos extremistas que agem cada vez mais na internet, afirma o especialista em segurança Kevin O´Brien.
 

Mas o sucesso na admissão da "Geração Y", as pessoas nascidas nos anos de 1980 e começo da década de 90, depende de fechar uma lacuna geracional que é tão clara no mundo da informação quanto em outras áreas da sociedade, segundo O´Brien, um consultor de segurança e informações.

"Isso acontece. É um problema", disse O´Brien sobre as diferenças que surgem quanto a conhecimento de computação ou formas de pensar, entre os agentes mais veteranos e os jovens recrutas.

Fóruns online de treinamento e direcionamento estão ajudando a integrar as diferentes gerações e diferentes habilidades, afirma ele, "mas você sempre terá indivíduos em ambas as gerações que simplesmente não se sentem confortáveis, que não entendem o que o outro está dizendo."

Para alguns observadores, o choque de gerações tornou-se evidente de maneira constrangedora quando a esposa do indicado a diretor do Serviço Secreto Britânico publicou fotos de seu marido, família e amigos no site de redes sociais Facebook, causando surpresa entre especialistas de segurança e pedidos de investigação.
 
 
 
Fonte: Info

 
Indique esta notícia Indique esta notícia para um amigo

Início Notícias  | Voltar